27 de jan de 2009

A Entrega


Ontem, ao manter um diálogo interno (que chamo de conversar com Deus) sobre alguns aspectos da minha vida como: profissão, emprego atual. Questionando-me sobre qual direção seguir, se vale a pena investir mais na minha profissão, se devo fazer especialização ou não, questões “ego-existenciais”. Quando a minha mente vagueia para o Blog e começo a me perguntar se também vale a pena manter esse blog, se as minhas mensagens vão beneficiar alguém de alguma maneira. Sim! Beneficiar alguém sim, porque o meu objetivo de escrever no blog é o de levar uma mensagem que conforte, esclareça, ajude ao meu semelhante. Se eu não conseguir esse objetivo, então o blog não faz sentido, se eu conseguir “tocar” somente uma pessoa com as minhas mensagens, já valeu a pena, o esforço.

Enquanto estava nessas divagações, senti aquele alerta, fiquei inquieta porque não pressenti nenhum sinal de perigo, alarme ou algo que o valha (quem leu o artigo “Os Anjos na minha vida” sabe do que estou falando). Aquietei-me, em silêncio, pedi orientação ao Supremo, ao olhar para o lado deparei com um livreto que tenho de Sônia Café, não entendi o que livro estava fazendo ali na mesinha ao lado da cama, mas não é para entender é para crer.

Abri aleatoriamente o livreto “Meditado com os Anjos” na página 45 com a seguinte mensagem:

O Anjo da Entrega

“Entrego-me ao Amor de Deus em meu coração.

Quando nos entregamos à orientação da nossa Alma, percebemos o panorama maior da nossa vida e a ajuda que recebemos para nos livrar dos pesos do passado e de energias negativas que nos impedem de ver a beleza e a força interior de que dispomos. Quando nos entregamos conscientemente à nossa Alma, todas as outras entregas se tornam mais simples e mais fácies de serem vividas.”


Estava ali a resposta que precisava, entendi que não tenho que controlar a direção da minha vida, da minha profissão, do blog ou qualquer outra coisa. O controle faz parte do Ego, (artífice da contra-inteligência) é ele que quer controlar, então, o que devemos fazer é dar o controle para o Supremo, Divino, Deus ou como queira chamar, aí é que reside a sabedoria, entregar os nossos objetivos, desejos, carreira profissional ou qualquer outra área de nossa vida nas mãos do Criador, todos os caminhos ficam mais fáceis de serem trilhados, tudo flui, não podemos esquecer a promessa do Eterno:

“Eis que enviarei o meu anjo, que vá adiante de ti, e te guarde pelo caminho, e te introduza no lugar que preparei”. Êx. 23,20.

Querer direcionar as coisas em nossas vidas é um erro, porque não direcionamos nada, devemos pedir, desejar algo e entregar para que o Universo dê a direção certa, para que o anjo do Senhor vá na frente aplainando o caminho. Devemos, também, tomar cuidado com os nossos desejos, nem sempre aquilo que desejamos ou pedimos é o melhor para nós. Como escreveu Ian Mecler: “Somente ao conhecer mais profundamente os nossos desejos poderemos distinguir os que nos empurram para baixo daqueles que nos movem em direção à Luz”

Renunciar ao controle do ego, desejar somente aquilo que realmente precisamos e entregar-nos ao Amor de Deus em nosso coração são as chaves que trancamos as portas para a frustração, ansiedade, dúvida, medo, orgulho, raiva e outros sentimentos que nos aprisionam.

E você já deixou o “Anjo da Entrega” entrar em sua vida?

Beijos no coração,
Simone Anjos

Leia também o artigo: Os Anjos em minha vida

Literatura indicada:
Café, Sônia – “Meditando com os Anjos”
Mecler, Ian – “A Cabala e a Arte de Ser Feliz”

Imagem: www.mensagensparaamigos.com.br

Um comentário:

  1. é claro que está colaborando.
    continue com o blog,
    faça a tua parte
    no que te diz respeito,
    no é de teu interesse
    e obedece tua espontaneidade.

    a luz agradece.

    ResponderExcluir

O seu comentário é muito importante para mim. Obrigada!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Anjos do Toque

Toques Iluminados e Amigos