30 de abr de 2009

Como manter-se jovem


1. Deixe fora os números que não são essenciais. Isto inclui a idade, o peso e a altura.
Deixe que os médicos se preocupem com isso.



2. Mantenha só os amigos divertidos. Os depressivos puxam para baixo.
(Lembre-se disto se for um desses depressivos!)


3. Aprenda sempre:
Aprenda mais sobre computadores, artes, jardinagem, o que quer que seja. Não deixe que o cérebro se torne preguiçoso.
'Uma mente preguiçosa é oficina do Alemão.' E o nome do Alemão é Alzheimer
!

4. Aprecie mais as pequenas coisas.


5. Ria muitas vezes, durante muito tempo e alto. Ria até lhe faltar o ar.
E se tiver um amigo que o faça rir, passe muito e muito tempo com ele / ela!

6. Quando as lágrimas aparecerem,
Aguente, sofra e ultrapasse.
A única pessoa que fica conosco toda a nossa vida somos nós próprios.
VIVA enquanto estiver vivo.

7. Rodeie-se das coisas que ama:
Quer seja a família, animais, plantas, hobbies, o que quer que seja.
O seu lar é o seu refugio.

8. Tome cuidado com a sua saúde:
Se é boa, mantenha-a.
Se é instável, melhore-a.
Se não consegue melhorá-la , procure ajuda.

9. Não faça viagens de culpa.
Faça uma viagem ao centro comercial, até a um país diferente,
mas NÃO para onde haja culpa



10. Diga às pessoas que ama que as ama a cada oportunidade.




Nota: Recebemos essa mensagem, já com as imagens, de uma amiga por e-mail. Desconhecemos a autoria, caso alguém saiba, favor nos informar para darmos os devidos créditos.

28 de abr de 2009

Saudade...



Saudade é reviver cada momento,
sentir as mesmas emoções
sem cogitar que tudo se passou há tanto tempo.

Saudade é acordar de manhã
e ter, para o ente amado, o primeiro pensamento
e os demais, que vão invadindo a mente
pelo resto do dia.

Saudade é envidar todos os esforços para esquecer
sem, contudo, perder a mania
de retomar os restos tangíveis que permaneceram,
com os olhos marejados,
e descobrir que os “restos tangíveis” estão vivos
e são ainda o nosso maior e melhor legado.

Saudade é ter a impressão de que nada aconteceu,
que ele não partiu, não traiu ou morreu
e que, a qualquer momento,
não importa se aqui ou além,
se nesta ou em outra vida.

Retomaremos o trajeto interrompido
pelo revés inesperado
e estaremos de novo
caminhando
lado a lado!

Poesia de Fátima Irene Pinto
Ecos da Alma: antologia – Soler Editora, 2005, pg. 91

27 de abr de 2009

Na esfera íntima

“Cada um administre aos outros o dom como o recebeu,
como bons dispensadores da multiforme graça de Deus.”
(I Pedro, 4:10).

A vida é maquina divina da qual todos os seres são peças importantes, e a cooperação é o fator essencial na produção da harmonia e do bem para todos.

Nada existe sem significação.

Ninguém é inútil.

Cada criatura recebeu determinado talento da Providência Divina para servir no mundo e para receber do mundo o salário da elevação.

Velho ou moço, com saúde do corpo ou sem ela, recorda que é necessário movimentar o dom que recebestes do Senhor, para avançares na direção da Grande Luz.

Ninguém é tão pobre que nada possa dar de si mesmo.

O próprio paralítico, atado ao catre da enfermidade, pode fornecer aos outros paciência e a calma, em forma de paz e resignação.

Não olvides, pois, o trabalho que o Céu te conferiu e foge à preocupação de interferir na tarefa do próximo, a pretexto de ajudar.

Quem cumpre o dever que lhe é próprio, age naturalmente a beneficio do equilíbrio geral.

Muitas vezes, acreditando fazer mais corretamente que os outros o serviço que lhes compete, não somos senão agentes de desarmonia e perturbações.

Onde estivermos, atendendo com diligência e nobreza à missão que a vida nos oferece.

Lembra-te de que as horas são as mesmas para todos e de que o tempo é o nosso silencioso e inflexível julgador.

Ontem, hoje e amanhã são três fases do caminho único.

Todo dia é ocasião de semear e colher.

Observemos, assim, a tarefa que nos cabe e recordemos a palavra do Evangelho: _ “Cada um administre aos outros o dom como o recebeu, como bons dispensadores da multiforme graça de Deus”, para que a graça de Deus nos enriqueça de novas graças.

Francisco Cândido Xavier
Pelo Espírito Emmanuel

Que sábia mensagem que me fez refletir muito. Eu costumo ser muito exigente comigo mesma, consequentemente, espero também muito dos outros. E o amoroso Chico inspirando-se na fonte do iluminado Emmanuel nos traz uma profunda lição: Lembra-te de que as horas são as mesmas para todos e de que o tempo é o nosso silencioso e inflexível julgador.

Fazendo-nos lembrar, que cada um tem seu próprio ritmo e aprende dentro do tempo certo. O que chegar para mim, em termos de aprendizado, em um determinado período, chegará para o meu semelhante na próxima estação ou vice-versa.

Beijos na Alma

Bibliografia Indicada:
Fonte Viva- ditado pelo Espírito Emmanuel, psicografado por Francisco Cândido Xavier, pg.325
Imagem: http://www.dreamstime.com/free-images

22 de abr de 2009

Caminhos...


Procuramos caminhos a seguir...
Andamos em busca dos ideais,
Vivemos cansados por não atingi-los.
Sempre em busca de novas trilhas,
à procura de haveres que nos satisfaçam materialmente,
e quando conseguimos, já não é aquilo que almejávamos.

O coração está constantemente sedento de novas aventuras
e ansioso por diferentes emoções,
sentimentos que, muitas vezes, levam-nos por caminhos sem volta,
quando supomos que seguimos o caminho certo,
descobrimos que o deixamos lá atrás era o melhor que possuíamos...

Mas por questão de vaidade,
de buscas exteriores,
esquecemo-nos de caminhar o melhor percurso,
o da busca interior,
esquecemo-nos do crescimento espiritual,
o trabalho para a construir um mundo melhor,
ficou parado.

Enquanto só procurávamos caminhos a descobrir,
emoções a sentir,
tudo isso poderia ser alcançado,
se primeiro buscássemos o crescimento da alma,
do Eu interior.

O encontro espiritual,
a luz maior que ilumina todos as trilhas,
devemos, primeiro, educar o espírito,
que nos levará à tão almejada felicidade.

Simone Anjos

Nota: Escrevi esse poema reflexivo em 11.12.1990, fiz algumas adaptações recentemente.
Imagem: www.dreamstimefree.com

16 de abr de 2009

Aguada


Aguada*
Por quê? Não mo disseram,
localizá-la é um labor,
atingi-la, uma aventura,
conhecê-la, um esplendor.

Entre os labirintos que a circundam,
cortados pelo “ouro negro” que a asfixia,
realçados pela brancura silícia das suas vias,*
encontra-se prisioneira:
do homem, da natureza e da economia.

A Natureza, através do homem,
dotou-a de atrativos mil,
suas frutas são deliciosas...
mas custam-nos muitos carões.

Em seus domínios o machismo é superado,
os “carinhas” são passados para traz,
tal como o rio e o oceano,
tal como o empregado e o patrão,
nem mesmo escapa o menor dos irmãos...

Em meio a essa fantasia
humor é que não falta:
José que dança com a falsa Maria,
da perda nem Judas se safa.

Aguada pode ser:
enigma e encanto,
vassalo e senhor,
natureza e transformação,
riso e dor,
algema e libertação,
mas é: um grito que irrompe no peito e...
atinge o coração!

Autor:Nilson Nascimento

*Aguada, povoado do município sergipano de Carmópolis (distante 47 km da capital Aracaju). Eis a nossa homenagem à Aguada, povoado onde passei quase toda a minha infância e adolescência. Terra dos meus avós paternos.

**Quando esse poema foi escrito em 1986, as ruas do Povoado Aguada era pavimentada por paralelepípedos, por isso, o autor ao visitar o Povoado pela primeira vez, referiu-se a “brancura silícia das suas vias”.

Obs:Se algum cidadão Aguadense tiver uma foto do Povoado para doar, serei grata.
Imagem:http://fr.dreamstime.com/free

14 de abr de 2009

Reencarnação



ONTEM, atraiçoamos a confiança de
um companheiro, induzindo-o à
derrocada moral.

HOJE, guardamo-lo na condição do
parente difícil, que nos pede sacrifício
incessante.

ONTEM, abandonamos a jovem que nos
amava, inclinando-a ao mergulho na
lagoa do vício.

HOJE, temo-la de volta por filha
incompreensiva, necessitada do nosso amor.
ONTEM, colocamos o orgulho e a vaidade
no peito de um irmão que nos seguia os
exemplos menos felizes.

HOJE, partilhamos com ele à feição de
Esposo despótico ou de filho-problema,
o cálice amargo da redenção.

ONTEM, esquecemos compromissos
veneráveis, arrastando alguém ao suicídio.

HOJE, reencontramos esse mesmo alguém na
pessoa de um filhinho, portador de moléstia
irreversível, tutelando-lhe, à custa de lágrimas,
o trabalho de reajuste.

ONTEM, abandonamos a companheira
inexperiente à míngua de todo auxílio,
situando-a nas garras da delinqüência.

HOJE, achamo-la ao nosso lado, na
presença da esposa conturbada e doente,
a exigir-nos a permanência no curso
infatigável da tolerância.

ONTEM, dilaceramos a alma sensível de
pais afetuosos e devotados, sangrando-lhes
o espírito, a punhaladas de ingratidão.
HOJE, moramos no espinheiro, em forma
de lar, carregando fardos de angústia, a fim
de aprender a plantar carinho e fidelidade.

À frente de toda dificuldade e de toda prova,
abençoa sempre e faze o melhor que possas.
Ajuda aos que te partilham a experiência,
ora pelos que te perseguem, sorri para os
que te ferem e desculpa todos aqueles que
te injuriam...

A humildade é a chave de nossa libertação.
E sejam quais sejam os teus obstáculos na
família, é preciso reconhecer que toda
construção moral do
Reino de Deus perante o mundo começa nos
alicerces invisíveis da luta em casa.

Paz... Luz...Vida... Tranqüilidade


Da obra "Amor e Vida em Família", Psicografado por Chico Xavier, ditado pelo Espírito Emmanuel.

Imagem: www.dreamstimefree.com

13 de abr de 2009

Deus e Universo


* Por Adão de Assunção Duarte

Princípio e Fim,
Em ti, em mim.
Do micro ao macro,
Sem simulacro.
Quanta beleza,
na Natureza!
Move-se tudo,
que amplitude!

Sóis, universos,
seres imersos.
Onipotência
e sapiência.
Massa-energia,
sabedoria.
Há imanência

e transcendência.

Deus é o Tudo,
Sonoro e mudo.
Imarcescível,
Indefinível,
conservador,
renovador...
Plena bondade,
Eternidade!

E Lei, é Ser,
Ele é Poder,
é imanente,
é transcendente,
fenomenal,
universal,
é Criador,
Luz e Amor!

*Adão de Assunção Duarte - É Juiz Federal aposentado, Advogado, Professor Universitário, com diversos artigos publicados em jornais de grande circulação na Capital baiana. Colaborador do Toque do Anjo.

Imagem:http://www.dreamstime.com/mirror-of-life-imagefree

8 de abr de 2009

Política de Privacidade


A sua privacidade é muito importante para nós. O Blog Toque do Anjo usa empresas de publicidade de terceiros para veicular anúncios durante a sua visita ao nosso website. Essas empresas podem usar informações (que não incluem o seu nome, endereço, endereço de e-mail ou número de telefone) sobre suas visitas a este e a outros websites a fim de exibir anúncios relacionados a produtos e serviços de seu interesse.
O Google, como fornecedor de terceiros, utiliza cookies para exibir anúncios no Blog Toque do Anjo.
Com o cookie DART, o Google pode exibir anúncios para nossos usuários com base nas visitas feitas ao nosso e a outros sites na Internet.
Os usuários podem desativar o cookie DART visitando a Política de privacidade da rede de conteúdo e dos anúncios do Google.

7 de abr de 2009

Feliz Páscoa!


Caros amigos e visitantes,

Desejo a todos uma Páscoa de amor e paz, com o Cristo ressuscitando em nossas vidas e em nossos corações.

Tempo de Páscoa

“Páscoa é tempo de meditar, de buscar,
de agradecer, de plantar a paz.

Tempo de oração!!!

Tempo de abrir os braços, de abrir as mãos
e de ser mais irmão.

Tempo de recomeçar!

Tempo de concessão, de compromisso,
de salvação. Tempo de perdão.

Tempo de libertar, de libertação,
de passagem, de passar...

Para onde?
Para a luz, para o amor, para a vida que é eterna!

É Tempo de Ressurreição!”



Fonte: http://www.belasmensagens.com.br/pascoa/tempo-de-pascoa-791.html/

Boriska Borelli - Criança Índigo


"As pessoas precisam ser boas".
(Boris Kipriyanovich)

Boriska, como é conhecido, é considerado um dos mais destacados seres humanos de uma nova geração que já é amplamente conhecida como, “Indigo-children” (Crianças Índigo), dotadas de faculdades especiais, como: alto grau de inteligência e surpreendentes conhecimentos sobre o Universo, extraterrestres, o passado arcaico da terra, mistérios da antiguidade e futuro do planeta.

Alguns dos ensinamentos de Boris:

"Se alguém lhe bater, abrace quem o feriu. Se fazem você sentir-se envergonhado, não espere desculpas, peça-as você. Se o insultarem e humilharem, ame-os do jeito que são. Essa e a relação de amor, da humanidade e do perdão, que deve ser observada por todos."

Amar uns aos outros, essa é a Lei".


Conclui o garoto que afirma ser de Marte.

Já dizia William Shakespeare: "Há mais mistérios entre o Céu e a Terra do que sonha a nossa vã filosofia".

Conheça outros artigos relacionados com o tema:
Crianças Índigos

Akrit Jaswal – Um ser Iluminado

Akiane Kramarik – Menina prodígio

6 de abr de 2009

Reflexões sobre a Páscoa...


Chega a Páscoa, as pessoas movimentam as lojas e os supermercados. Momento de comprar, presentear os amigos com ovos de páscoa e comer chocolates. Todavia, podemos nos perguntar: o que ovos e coelhos têm a ver com a morte e ressurreição de Cristo?

Essa é uma tradição remota dos anglo-saxões que usavam coelhos como símbolo da Páscoa. Encontram-se referências que os babilônios e gregos usavam o coelho como símbolo da fertilidade.

“A partir do século VIII, foi introduzido nas festividades da Páscoa um deus teuto-saxão, isto é, originário dos germanos e ingleses. Era um deus para representar a fertilidade e a luz. A figura do coelho juntou-se ao ovo que é símbolo da própria vida. Embora aparentemente morto, o ovo contém uma vida que surge repentinamente; e este é o sentido para a Páscoa, após a morte, vem a ressurreição e a vida. A Igreja no século XVIII, adotou oficialmente o ovo como símbolo da ressurreição de Cristo. Assim foi santificado um uso originalmente pagão, e pilhas de ovos coloridos começaram a ser benzidos antes de sua distribuição aos fiéis.” (Fonte: http://www.jesusvoltara.com.br.

Atualmente, acreditamos que poucas pessoas saibam, busquem ou mesmo se importem com o significado da Páscoa. Importam-se com os chocolates, as guloseimas dos comes e bebes, sem refletirem sobre o seu verdadeiro significado e o sacrifício de Jesus por todos nós.

Todos os dias devemos nos sacrificar um pouco, temos de sacrificar as nossas más paixões, os nossos medos, os nossos vícios e fraquezas que nos empurram para baixo. Essa é a nossa batalha perante a “contra inteligência” que manipula o tal “sistema” mundano. Crucificar o desamor, a falta de respeito pelo próximo (tão próximos...). Crucificar a indiferença pelos irmãos menos afortunados, crucificar a nossa apatia diante da violência cotidiana, que nos arranca do marasmo somente quando bate em nossa porta.

Ser indiferentes, apáticos, cansados da vida, é mais cômodo para mantermos as nossas vidinhas medíocres.

Jesus sempre foi altivo, expulsou os cambistas e exploradores do Templo: João 2,13-25 fala-nos da limpeza que Jesus faz do Templo de Jerusalém. Estava próxima a Páscoa dos judeus, e Jesus subiu a Jerusalém. No Templo, encontrou os vendedores de bois, ovelhas e pombas e os cambistas que estavam aí sentados. Fez então um chicote de cordas e expulsou todos do Templo, junto com as ovelhas e os bois; espalhou as moedas e derrubou as mesas dos cambistas. E disse aos que vendiam pombas: “Tirai isso daqui! Não façais da casa de meu Pai uma casa de comércio!”(...)

Jesus enfrenta os doutores da lei e fariseus: Mateus, 23, 13-28

Naquele tempo, disse Jesus: "Ai de vós, doutores da Lei e fariseus hipócritas, porque fechais aos homens o Reino do Céu! Nem entrais vós nem deixais entrar os que querem fazer. Ai de vós, doutores da Lei e fariseus hipócritas, porque pagais o dízimo da hortelã, do funcho e do cominho e desprezais o mais importante da Lei: a justiça, a misericórdia e a fidelidade! Deveis praticar estas coisas sem deixar aquelas. Guias cegos, que filtrais um mosquito e engolis um camelo! Ai de vós, doutores da Lei e fariseus hipócritas, porque limpais o exterior do copo e do prato, quando por dentro estais cheios de rapina e de iniqüidade! Fariseu cego! Limpa antes o interior do copo, para que o exterior também fique limpo. Ai de vós, doutores da Lei e fariseus hipócritas, porque sois semelhantes a sepulcros caiados: formosos por fora, mas, por dentro cheios de ossos de mortos e de toda espécie de imundice! Assim também vós, por fora pareceis justos aos olhos dos outros, mas por dentro estais cheios de hipocrisia e de iniqüidade".

Não façamos como os fariseus, crucifiquemos a nossa cegueira, a imundice interior, toda forma de subjugação do ser, purifiquemos nosso coração e mente para que o nosso corpo ressuscite os mais belos sentidos:

a nossa visão sem o véu,
o amor a nós mesmos e ao próximo,
o perdão, com a justa correção;
a humildade, sem a subserviência,
a misericórdia, sem esperar retribuição,
o trabalho digno, sem a corrupção,
a liberdade do ser, sem nenhuma forma de exploração...

Crucifiquemos o nosso egoísmo, ressuscitemos o nosso “doar-se”, de diversas maneiras: em uma palavra amiga, um sorriso sincero, o simples telefonema, uma mensagem por e-mail, uma visitinha rápida. Outras formas de doação, de bens que acumulamos em casa, sem utilidade para nós, mas que fazem a diferença para o irmão. Ser voluntário em tantas organizações carentes de tudo, visitar um asilo, um orfanato com inúmeros Seres precisando somente de um afago...

Ah! Quantas coisas, sentimentos e ações têm para crucificar e ressuscitar em nossas vidas!

São pequenas atitudes que enaltecem a nossa condição de filhos do Altíssimo, é o ressurgir do nosso amor a vida, ao semelhante, que não negamos ser filhos do Criador. Jesus não negou a sua condição de Filho de Deus, o julgo era pesado, mas Ele carregou, as acusações foram várias, mas Ele não se intimidou, não ficou de braços cruzados; ao contrário, no fim, o Cordeiro foi sacrificado de braços abertos para a salvação de todo o rebanho.

Essa é a nossa reflexão para a Páscoa: deixemos morrer o que não nos serve mais, ressuscitemos para vida...

Aqui respondemos à questão inicial do nosso texto, coelhos e ovos representam fertilidade e vida; contudo, entendemos que não podemos conceber a vida sem o outro, sem a nossa comunidade,

Não podemos conceber a vida acumulando riquezas, enquanto o nosso semelhante passa fome,

Não podemos conceber a vida, poluindo os rios, destruindo as florestas, a biodiversidade,

Não podemos conceber a vida, com o extermínio de irmãos em diversas partes do planeta...

Não podemos conceber a vida, com a aniquilação do Ser...

Não podemos conceber que a crucificação e a ressurreição de Cristo foram em vão.

Uma Páscoa repleta de amor e paz em nossos corações!

Imagem:http://www.dreamstime.com/free

5 de abr de 2009

Morrer é preciso...


Slide Power Point com mensagens de motivação e otimismo


A MORTE DE CADA DIA

Num artigo muito interessante, Paulo Angelim, que é arquiteto, pós-graduado em marketing, dizia mais ou menos o seguinte: nós estamos acostumados a ligar a palavra morte apenas a ausência de vida e isso é um erro existem outros tipos de morte e precisamos morrer todo dia a morte nada mais é do que uma passagem, uma transformação.

Não existe planta sem a morte da semente, não existe embrião sem a morte do óvulo e do esperma, não existe borboleta sem a morte da lagarta, isso é óbvio a morte nada mais é que o ponto de partida para o início de algo novo a fronteira entre o passado e o futuro.

Se você quer ser um bom universitário, mate dentro de você o secundarista aéreo que acha que ainda tem muito tempo pela frente.

Quer ser um bom profissional? Então mate dentro de você o universitário descomprometido que acha que a vida se resume a estudar só o suficiente para fazer as provas.

Quer ter um bom relacionamento? Então mate dentro de você o jovem inseguro, ciumento, crítico, exigente, imaturo, egoísta ou o solteiro solto que pensa que pode fazer planos sozinho, sem ter que dividir espaços, projeto e tempo com mais ninguém.

Quer ter boas amizades? Então mate dentro de si a pessoa insatisfeita e descompromissada, que só pensa em si mesmo, mate a vontade de tentar manipular as pessoas de acordo com a sua conveniência, respeite seus amigos, colegas de trabalho e vizinhos enfim todo processo de evolução exige que matemos o nosso "eu" passado inferior.

E qual o risco de não agirmos assim? O risco está em tentarmos ser duas pessoas ao mesmo tempo, perdendo o nosso foco, comprometendo essa produtividade, e, por fim prejudicando nosso sucesso muitas pessoas não evoluem porque ficam se agarrando ao que eram, não se projetam para o que serão ou desejam ser elas querem a nova etapa, sem abrir mão da forma como pensavam ou como agiam acabam se transformando em projetos acabados, híbridos, adultos infantilizados podemos até agir, às vezes, como meninos, de tal forma que não mantemos as virtudes de criança que também são necessários anos, adultos, como: brincadeira, sorriso fácil, vitalidade, criatividade, tolerância, etc. mas, se quisermos ser adultos, devemos necessariamente matar atitudes infantis, para passarmos a agir como adultos.

Quer ser alguém (líder, profissional, pai ou mãe, cidadão ou cidadã, amigo ou amiga) melhor e evoluído? Então, o que você precisa matar em si, ainda hoje, é o "egoísmo" é o "egocentrismo", para que nasça o ser que você tanto deseja ser pense nisso e morra.

"Mas não esqueça de nascer melhor ainda o valor das coisas não está no tempo em que elas duram, mas na intensidade com que acontecem por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis". (Fernando Pessoa)


Visite o site www.esoterikha.com - mensagens motivacionais para fazer donwnload gratuito dessa mensagem de motivação e auto-estima.

4 de abr de 2009

Akrit Jaswal, um ser iluminado...

AKRIT JASWAL

"O MAIS JOVEM CIRURGIÃO DO MUNDO".

Akrit tem hoje 15 anos de idade.

PARA-HABILIDADES: SUPERMEMÓRIA , INTELIGÊNCIA AMPLIFICADA e DONS DE CURA !

Akrit nasceu em 23/04/1993 , numa famí lia pobre Rajput da cidade de HIMACHAL PRADESH, na INDIA.
Desde a sua infância, Akrit demonstrou habilidades incomuns: começou a falar no 10° mês de idade; aos 2 anos de idade começou a escrever e a ler, apenas olhando as páginas dos livros; começou a ler ávidamente tudo o que chegava as suas mãos;
aos 5 anos começou a ler livros de poesia e peças de Shakespeare; depois desenvolveu uma paixão precoce por livros de Medicina,Anatomia e Cirurgia.

Os professores da sua Aldeia descobriram que Akrit possuía a formidável capacidade da MEMÓRIA FOTOGRÁFICA, jamais esquecia nada e possuía uma voracidade fantástica em aprender cada vez mais..

Aos 6 anos, fazia discursos altamente complexos sobre temas de Medicina, Biologia e Cirurgia, e debatia com médicos adultos qualquer tipo de tema ligado à Ciência Médica.

ELE MEMORIZOU DEZENAS DE TRATADOS MÉDICOS DE: MEDICINA, ANATOMIA , FISIOLOGIA E CIRURGIA , que são difíceis de ler, até mesmo para os Especialistas veteranos destas áreas !

Akrit solicitou e obteve uma autorização especial para acompanhar e assistir às Cirurgias feitas no Hospital de HIMACHAL.

Aos 7 anos de idade, tornou- se o cirurgião mais jovem do mundo, quando a famí lia de uma menina da sua aldeia solicitou a sua ajuda para realizar uma cirurgia.
A Menina havia sofrido um acidente e queimado os dedos, que acabaram colando uns nos outros; Akrit apiedou-se da menina e realizou uma Cirurgia extremamente bem-sucedida, que foi filmada e surpreendeu os médicos de todo o Mundo.

Tornou-se uma celebridade em toda a India, e os cientistas começaram a realizar testes em Akrit para desvendar os segredos da sua inteligência , e ele espantou a todos ao obter o grau
146 de QI no seu primeiro teste !!!

Foi convidado pelo Governo Hindu para estudar na PUNJAB UNIVERSITY aos 11 anos de idade, em 2004.

Akrit logo demonstrou outros poderes como o Dom de Curar as pessoas apenas colocando as mãos sobre os seus ferimentos, que ele diagnostifica instantâneamente as causas, graças a sua Memória Fotográfica que identifica os sintomas psicobiofísicos de qualquer enfermidade, apenas olhando de relance os pacientes.

Hoje, ele é estudante da UNIVERSIDADE DE HARVARD nos EUA onde está no 2º ano de um curso de Bacharelado em Zoologia e Botânica ; ao mesmo tempo continua com seus estudos autodidáticos sobre Medicina e outras areas da Saúde.

O Sonho de AKRIT é encontrar a Cura definitiva para o Câncer e a AIDS. Ele declara em suas palestras que já possui milhares de idéias extremamente criativas para a renovação completa da Medicina atual e para o Tratamento do Câncer.

Akrit surpreendeu o mundo ao dizer no programa televisivo da apresentadora OPRAH que, com sua SUPERINTELIGÊNCIA , ele leu todos os Tratados atuais de Oncologia e descobriu as falhas e limitações da atual pesquisa do Câncer; afirmou que ele possui a solução do Problema e que pode criar NOVOS REMÉDIOS e NOVAS TECNOLOGIAS de tratamento oncológico, mas que para isso precisa antes formar-se oficialmente como Médico e criar um CENTRO FILANTRÓPICO DE ESTUDOS, para tratar gratuitamente os milhares de doentes da Índia. Com estas afirmações, tornou- se uma CELEBRIDADE nos EUA, conseguindo grandes doações e apoios para as suas pesquisas.

" AKRIT é reconhecido hoje como um verdadeiro AVATAR DA MEDICINA na Índia , é visto como um grande MAHATMA que encarnou na matéria para revolucionar completamente a Medicina ".

" Os Parapsicólogos consideram Akrit um dos mais evoluídos MUTANTES PSIÔNICOS da atualidade e a mais famosa das CRIANÇAS ÍNDIGO (Crianças que nascem com Superinteligência Criativa , como Akiane Kramarik e Boriska) que estão nascendo em todo o mundo para provocar uma mudança radical na Ciência humana".

Outros artigos relacionados com o tema:

Boriska Borelli-Crianca Índigo

Akiane Kramarik – Menina prodígio

Crianças Índigo

OBS: Recebi esse texto sobre AKRIT de um amigo, desconheço o autor do artigo, mas devemos compartilhar as coisas boas e interessantes.

MAS PODEM PESQUISAR AS REFERENCIAS SOBRE AKRIT JASWAL :

TEXTOS:

http://en.wikipedia .org/wiki/ Akrit_Jaswal

http://www.realsupe rpowers.com/ akrit-jaswal- child-prodigy- child-surgeon

http://www.mymultip lesclerosis. co.uk/misc/ akritjaswal. html

http://pt.wikipedia .org/wiki/ Akrit_Jaswal

http://forum. autohoje. com/archive/ index.php/ t-30326.html

http://www.india- forums.com/ forum_posts. asp?TID=548701

VÍDEOS:

http://br.youtube. com/watch? v=oQif24jIGWY

http://br.youtube. com/watch? v=gkDx7mRGmyM&feature=related

http://br.youtube. com/watch? v=M9BrgT0s9eQ&feature=related

http://br..youtube. com/watch? v=MLiYyt4NWxU&feature=related

http://br.youtube. com/watch? v=G_9z95ZPnb8&feature=related

TEXTOS: existem dezenas de textos escritos nas línguas indianas e Blogs sobre Akrit - Google.

2 de abr de 2009

Um Jardim no Coração


Ganhei um livro de poesias, que para mim é um verdadeiro tesouro. Pelo conteúdo maravilhoso que nele encerra, pela paixão e profundeza de alma que autora escreve. Igualmente, por ter sido presente de uma pessoa querida, a qual admiro muito.

Trata-se de uma das obras da poetisa Fátima Irene Pinto. Entre tantos poemas encantadores que o livro traz, escolhi para postar “Um Jardim no Coração”, porque versa sobre pilares que ajudam a manter o equilíbrio em diversos momentos da vida, e os quais acredito serem fundamentais para levarmos uma existência bela, suave e feliz. Confiram!


“Plante um jardim no seu coração.

Não se preocupe em fertilizar pois a terra do coração
é boa e naturalmente dadivosa. O mais importante é
escolher as sementes certas.

No jardim de seu coração não pode faltar a semente da
FÉ. As flores da fé deixarão seu coração resistente e
fortalecido o bastante para que você possa suportar
todas as intempéries da vida.

Plante a semente do AMOR UNIVERSAL.

Esta planta precisa de cuidados especiais, porém suas
flores são tão sublimes que exalarão as doces fragrâncias
do perdão, da gratidão, da união com todos os seres e
da vontade de servir desinteressadamente.

Plante as sementes da ALEGRIA e do ENTUSIASMO.
Estas plantas darão flores vivazes e comunicativas que
cantarão para as outras flores, se vestirão das mais
variadas cores e serão beijadas pelos colibris.

Plante a semente da HUMILDADE.

Além de belíssima, esta planta tem o raro condão de
impedir o crescimento das ervas daninhas do orgulho,
do egoísmo e do ressentimento. As flores da humildade
exalarão o aroma da simplicidade, da leveza e da paz.

Plante as sementes da PERSEVERANÇA nos quatro
cantos do seu jardim. Estas plantas crescerão lentamente,
ficarão viçosas e encorpadas com o tempo.

Demorarão para dar suas flores esplêndidas para que
você entenda que, às vezes, é preciso esperar para se
conseguir algo realmente valioso e definitivo.

E não se surpreenda se um dia notar que,
bem no centro de seu jardim, nasceu uma planta
raríssima que você não plantou. Ela veio por lei de
afinidade ao ver a beleza das outras plantas e das outras flores.

Chamar-se-á a planta da SABEDORIA.

Suas flores nobres e fulgurantes exalarão o perfume
do discernimento e permitirão que você possa contemplar
toda a Criação pelos próprios olhos de Deus.”


Autora: Fátima Irene Pinto
Livro: Ecos da Alma: Antologia, pg.14

Saiba mais sobre a autora: www.fatimairene.com/

Imagem:http://www.dreamstime.com/free

1 de abr de 2009

Gratidão...


"Agradeço e aprecio cada momento consciente da minha vida".
(Sônia Café)


Outro dia escrevi sobre milagres, e milagres nos remetem a gratidão. Eu sou grata por tudo o que tenho na vida, começando pela própria existência. Agradeço pelos meus pais, pela minha família, pelo meu companheiro, pelos poucos amigos, porém sinceros e leais; pelas conquistas pessoais e pala saúde. Bendigo sempre tudo o que conquistei e as dádivas que o Universo me dá de acréscimo.

Sou agradecida pelas pessoas amigas, outras não tão amigas, até desconhecidas, mas no momento em que precisei, elas apareceram como anjos bons estendendo-me as suas mãos. Manterei sempre uma atitude de reconhecimento pelo bem que recebi, mesmo que não repita o tempo todo, o quanto lhes sou grata. Agradeço-lhes de coração. Os meus benfeitores estão na minha lista diária de orações, envio-lhes vibrações positivas de amor e paz.

A relação dessas pessoas é extensa; por isso mesmo não cabe relacioná-las aqui: são pessoas que me deram as mãos, braços e ombros, emprestaram-me seus sorrisos, quando eu só sabia chorar, colocaram-me no colo no momento de carência, alimentaram o meu estômago, principalmente o meu espírito, quando sedenta e faminta me encontrava...

Recebi palavras de incentivo quando pensei em desistir, ensinaram-me a amar, a mim mesma e ao meu próximo, quando, já eu própria, não acreditava mais no amor...

Acolheram-me, vestiram-me quando estava desamparada e com a alma desnuda... Tenho sorte na vida por encontrar tantas pessoas generosas, tão magnânimas e se eu não lhes fosse grata, estaria negando a essência divina que existe no ser humano.

Uma atitude de graças perante a vida, pelos nossos pais, pelas pessoas e pelo Criador, contribui para que o Universo conspire ao nosso favor e que as coisas boas nos aconteçam todos os instantes. Mantermos uma atitude de gratidão, mesmo nos momentos em que imaginamos que as coisas não vão bem, é sinal de que confiamos nos propósitos de Deus.

Sonia Café, em seu livreto “Meditando com os Anjos”, lembra-nos que: “É muito importante sentir gratidão por tudo aquilo que já conseguimos realizar. Olhar para aquilo que ainda não somos em detrimento do que somos aqui e agora é esquecer da maravilhosa fonte de energias espirituais que flui eternamente em nossas vidas. O sentimento de gratidão preenche o nosso coração e eleva as vibrações de tudo à nossa volta.”

Ela ainda nos sugere, no seu “Livro das Atitudes”, práticas de gratidão e generosidade as quais procuro seguir. Creiam, me fazem um bem reconfortante e maravilhoso...

“Veja se há algo que você pode dar a alguém que o fará muito feliz.”

“Perceba o que você recebeu generosamente de alguém e agradeça com o coração.

“Receba com alegria as dádivas da vida refletidas em um dia de sol, no canto de um pássaro, no ar que você respira, no motorista que dirige o ônibus...”

“Agradeça, agradeça, agradeça. A gratidão é como um combustível que alimenta o poder da generosidade dentro de nós.”

“Pratique o ato de dar sem exigir nada em troca; isso o levará a descobrir como funciona a Lei da Abundância.”


Tome uma atitude de gratidão na sua vida e sinta a transformação...

Beijos na Alma,


Literatura Indicada:

Café, Sônia: Meditando com os Anjos
Café, Sônia: O Livro das Atitudes.


Imagem: http://www.freenaturepictures.com

Oração da Gratidão


Senhor Jesus, muito obrigada!
Pelo ar que nos dás,
pelo pão que nos deste,
pela roupa que nos veste,
pela alegria que possuímos,
por tudo de que nos nutrimos.

Muito obrigada, pela beleza da paisagem,
pelas aves que voam no céu de anil,
pelas Tuas dádivas mil!

Muito obrigada, Senhor!
Pelos olhos que temos...

Olhos que vêem o céu, que vêem a terra e o mar,
que contemplam toda beleza!
Olhos que iluminam de amor
ante o majestoso festival de cor
da generosa Natureza!

E os que perderam a visão?
Deixa-me rogar por eles
Ao Teu nobre coração!
Eu sei que depois desta vida,
Além da morte,
voltarão a ver com alegria incontida...

Muito obrigada pelos ouvidos meus,
pelos ouvidos que me foram dados por Deus.
Obrigada, Senhor, porque posso escutar
O Teu nome sublime, e, assim, posso amar.

Obrigada pelos ouvidos que registram:
a sinfonia da vida,
no trabalho, na dor, na lida...
O gemido e o canto do vento nos galhos do olmeiro,
as lágrimas doridas do mundo inteiro
e a voz longínqua do cancioneiro...
E os que perderam a faculdade de escutar?
Deixa-me por eles rogar...
Sei que em Teu Reino voltarão a sonhar.

Obrigada, Senhor, pela minha voz.
Mas também pela voz que ama,
pela voz que canta,
pela voz que ajuda,
pela voz que socorre,
pela voz que ensina,
pela voz que ilumina...

E pela voz que fala de amor, obrigada, Senhor!
Recordo-me, sofrendo, daqueles
que perderam o dom de falar
E o Teu nome não podem pronunciar!...
Os que vivem atormentados na afasia
e não podem cantar nem à noite, nem ao dia...
Eu suplico por eles
sabendo, porém, que mais tarde,
No Teu Reino voltarão a falar.

Obrigada, Senhor, por estas mãos, que são minhas
alavancas da ação, do progresso, da redenção.
Agradeço pelas mãos que acenam adeuses,
pelas mãos que fazem ternura,
e que socorrem na amargura;
pelas mãos que acarinham,
pelas mãos que elaboram as leis
pelas mãos que cicatrizam feridas
retificando as carnes sofridas
balsamizando as dores de muitas vidas!

Pelas mãos que trabalham o solo,
que amparam o sofrimento e estacam lágrimas,
pelas mãos que ajudam os que sofrem,
os que padecem...
Pelas mãos que brilham nestes traços,
como estrelas sublimes fulgindo em meus braços!

E pelos pés que me levam a marchar,
ereta, firme a caminhar;
pés da renúncia que seguem
humildes e nobres sem reclamar.

E os que estão amputados, os aleijados,
os feridos e os deformados,
os que estão retidos na expiação
por ilusões doutra encarnação,
eu rogo por eles e posso afirmar
que no Teu Reino, após a lida
dolorosa da vida,
hão de poder bailar
e em transportes sublimes outros braços afagar...

Sei que a Ti tudo é possível
Mesmo o que ao mundo parece impossível!

Obrigada, Senhor, pelo meu lar,
o recanto de paz ou escola de amor,
a mansão de glória.
Obrigada, Senhor, pelo amor que eu tenho
e pelo lar que é meu...

Mas, se eu sequer
nem o lar tiver
ou teto amigo para me aconchegar
nem outro abrigo para me confortar,
se eu não possuir nada,
senão as estradas e as estrelas do céu,
como leito de repouso e o suave lençol,
e ao meu lado ninguém existir, vivendo e
chorando sozinha, ao léu...
Sem alguém para me consolar.

Direi, cantarei, ainda:
Obrigada, Senhor,
porque Te amo e sei que me amas,
porque me deste a vida
jovial, alegre, por Teu amor favorecida...

Obrigada, Senhor, porque nasci,
Obrigada, porque creio em Ti.
E porque me socorres com amor,
Hoje e sempre,
Obrigada, Senhor.

A Oração da Gratidão foi psicografada por Divaldo P.Franco, transmitida pelo Espírito de Amália Rodrigues, em Buenos Aires, Argentina, em 21 de novembro de 1962. Divaldo constuma finalizar as suas palestras com esta oração.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Anjos do Toque

Toques Iluminados e Amigos