28 de jan de 2010

O mundo vai acabar em 2012?


O filme 2012 vem mexendo com a cabeça de muita gente, baseado na má interpretação de alguns sobre o calendário Maia, as pessoas assistem ao filme e plasmam, alguns conscientes e outros inconscientemente manipulados dentro da Matrix, catástrofes para o nosso planeta. Não acredito no fim do mundo, acredito no fim de uma era, com seus velhos valores e o despertar para uma nova Consciência Universal. Recebi o texto abaixo que é muito interessante e esclarecedor sobre 2012. Desconheço a autoria, mas vale a pena ler.

2012 NÃO SERÁ O FIM DO MUNDO, SERÁ O FIM DE UMA ERA E INICIO DE OUTRA, PREPARE-SE...

Muito se fala de 2012, mas pouco efetivamente se conhece.

Segue um texto rápido e esclarecedor, para desmistificar um pouco a profecia e trazer uma linguagem simples, ofertando ânimo extra para nossas ações como sincronizadores biosféricos:

Os corpos que não refinarem suas energias não conseguirão ficar encarnados dentro da terceira dimensão, pois a quarta dimensão estará instalada.

O sistema solar gira em torno de Alcione, estrela central da constelação de Plêiades.

Esta foi a conclusão dos astrônomos Freidrich Wilhelm Bessel, Paul Otto Hesse, José Comas Solá e Edmund Halley, depois de estudos e cálculos minuciosos.

Nosso Sol é, portanto, a oitava estrela da constelação - localizada a aproximadamente 28 graus de Touro - , e leva 26 mil anos para completar uma órbita ao redor de Alcione, movimento terrestre também conhecido como Precessão dos Equinócios. A divisão desta órbita por doze resulta em 2.160, tempo de duração de cada era "astrológica" (Era de Peixes, de Aquário, etc).

Descobriu-se também que Alcione tem à sua volta um gigantesco anel, ou disco de radiação, em posição transversal ao plano das órbitas de seus sistemas (incluindo o nosso), que foi chamado de Cinturão de Fótons. Um fóton consiste na decomposição ou divisão do elétron, sendo a mais ínfima partícula de energia eletromagnética, algo que ainda se desconhece na Terra.

Detectado pela primeira vez em 1961, através de satélites, a descoberta do Cinturão de Fótons marca o início de uma expansão de consciência além da terceira dimensão.

A ida do homem à Lua nos anos 60 simbolizou esta expansão, já que antes das viagens interplanetárias era impossível perceber o Cinturão. A cada dez mil anos o Sistema Solar penetra por dois mil anos no anel de Fótons, ficando mais próximo de Alcione. A última vez que a Terra passou por ele foi durante a "Era de Leão", há cerca de doze mil anos.

Na Era de Aquário, que está se iniciando, ficaremos outros dois mil anos dentro deste disco de radiação. Todas as moléculas e átomos de nosso planeta passam por uma transformação sob a influência dos Fótons, precisando se readaptar a novos parâmetros.

A excitação molecular cria um tipo de luz constante, permanente, que não é quente, uma luz sem temperatura, que não produz sombra ou escuridão. Talvez por isso os hinduístas chamem de "Era da Luz" os tempos que estão por vir. Desde 1972, o Sistema Solar vem entrando no Cinturão de Fótons e em 1998 a sua metade já estará dentro dele.

A Terra começou a penetrá-lo em 1987 e está gradativamente avançando, até 2.012, quando vai estar totalmente imersa em sua luz. De acordo com as cosmologias maia e asteca, 2.012 é o final de um ciclo de 104 mil anos, composto de quatro grandes ciclos maias e de quatro grandes eras astecas.

Humbatz Men, autor de origem maia, fala em "Los Calendários" sobre a vindoura "Idade Luz". Bárbara Marciniak, autora de "Mensageiros do Amanhecer", da Ground e "Earth", da The Bear and Company e a astróloga Bárbara Hand Clow, que escreveu "A Agenda Pleiadiana", da editora Madras, receberam várias canalizações de seres pleiadianos.

Essas revelações falam sobre as transformações que estão ocorrendo em nosso planeta e nas preparações tanto física quanto psíquicas que precisamos nos submeter para realizarmos uma mudança dimensional.

Segundo as canalizações, as respostas sobre a vida e a morte não estão mais sendo encontradas na terceira dimensão. Um novo campo de percepção está disponível para aqueles que aprenderem a ver as coisas de uma outra forma. Desde a década de oitenta, quando a Terra começou a entrar no Cinturão de Fótons, estamos nos sintonizando com a quarta dimensão e nos preparando para receber a radiação de Alcione, estrela de quinta dimensão.

Zona arquetípica de sentimentos e sonhos, onde é possível o contato com planos mais elevados, a quarta dimensão é emocional e não física. As idéias nela geradas influenciam e detonam os acontecimentos na terceira dimensão, plano da materialização. Segundo as canalizações, a esfera quadri-dimensional é regida pelas energias planetárias de nosso sistema solar, daí um trânsito de Marte, por exemplo, causar sentimentos de poder e ira.

Para realizar esta expansão de consciência é preciso fazer uma limpeza, tanto no corpo físico como no emocional, e transmutar os elementais da segunda dimensão a nós agregados, chamados de miasmas.

Responsáveis pelas doenças em nosso organismo, os miasmas são compostos de massas etéricas que carregam memórias genéticas ou de vidas passadas, memórias de doenças que ficaram encruadas e impregnadas devido a antibióticos, poluição, química ou radioatividade.

Segundo as canalizações, esses miasmas estão sendo intensamente ativados pelo Cinturão de Fótons. Os pensamentos negativos e os estados de turbulência, como o da raiva, também geram miasmas, que provocam bloqueios energéticos em nosso organismo. Trabalhar o corpo emocional através de diversos métodos terapêuticos - psicológicos, astrológicos ou corporais - ajuda a liberar as energias bloqueadas.

A massagem, acupuntura, homeopatia, florais, meditação, yoga, o tai-chi, algumas danças, etc, são também técnicas de grande efetividade, pois mexem com o corpo sutil e abrem os canais de comunicação com outros planos universais. As conexões interdimensionais são feitas através de ressonância e para sobrevivermos na radiação fotônica temos que nos afinar a um novo campo vibratório.

Ter uma alimentação natural isenta de elementos químicos, viver junto à natureza, longe da poluição e da radiatividade, liberar as emoções bloqueadas e reprimidas, contribuem para a transição. Ter boas intenções é essencial, assim como estar em estado de alerta para perceber as sincronicidades e captar os sinais vindos de outras esferas.

Segundo a Agenda Pleiadiana, de Bárbara Hand Clow, o Cinturão de Fótons emana do Centro Galáctico. Alcione, o Sol Central das Plêiades, localiza-se eternamente dentro do Cinturão de Fótons, ativando sua luz espiralada por todo o Universo.

Mas afinal e nós nisso tudo?

Nós somos os mais beneficiados com tudo isso. Todos nós, os seres encarnados na Terra estamos passando por um processo de iniciação coletiva e escolhemos estar aqui nessa difícil época de transição de nosso planeta, que atingirá todo o Universo. Os fótons funcionam como purificadores da raça humana e através de suas partículas de luz, às quais estamos expostos nos raios solares, dentro em breve estaremos imersos nesta "Era de Luz", depois de 11 mil anos dentro da Noite Galáctica ou Idade das Trevas, como os hindus se referiam a Kali Yuga.

Como um sistema de reciclagem do Universo, o Cinturão de Fótons inicia a Era da Luz.

Existem diversas formas da humanidade intensificar sua evolução, desenvolvendo um trabalho de limpeza dos corpos emocionais, com o uso de terapias alternativas, como florais, Yoga, Sahaja Maithuna, musicoterapia, cromoterapia entre muitos outros. São terapias e práticas que trabalham com a cura dos corpos sutis, evitando que muitas doenças sejam desenvolvidas antes mesmo de alcançar o corpo físico, além de curar outras já instaladas.

Cada partícula vai se alojando em todos os cantinhos de nosso planeta trazendo a consciência (Luz), a Verdade, a Integridade e o Amor Mútuo. Cada um de nós tem um trabalho individual para desenvolver aliado ao trabalho de conscientização da humanidade. Os corpos que não refinarem suas energias não conseguirão ficar encarnados dentro da terceira dimensão, pois a quarta dimensão estará instalada. E todos nós redescobriremos a nossa multidimensionalidade e ativaremos nossas capacidades adormecidas dentro da Noite Galáctica.

A inteligência da Terra será catalizada para toda a Via Láctea. Todos estes acontecimentos foram registrados no Grande Calendário Maia, que tem 26 mil anos de duração e termina no solstício de inverno, no dia 21 de dezembro de 2012 dC, que marca a entrada definitiva da Terra dentro do Cinturão de Fótons por 2000 anos ininterruptos.

Consciência é Luz.

Luz é Informação.

Informação é Amor.

Amor é Criatividade.

PAZ PROFUNDA

Nota:
Então amigos, vamos nos preparar para uma nova era, A ERA DA LUZ.
Beijos na Alma,
Simone Anjos

26 de jan de 2010

Sabedoria Chinesa


Antigo Conselho Chinês

Era uma vez um camponês chinês, muito pobre, mas sábio, que trabalhava a terra duramente com o seu filho. Um dia o filho diz: Pai, que desgraça, o nosso cavalo fugiu.

- Por que chamas desgraça? Pergunta o pai e acrescenta.
- Veremos o que nos traz o tempo.

Passando alguns dias o cavalo regressou acompanhado de uma linda égua selvagem.

- Pai que sorte! Exclamou o rapaz.
- O nosso cavalo trouxe outro cavalo.

- Por que chamas de sorte. Indagou o pai. Veremos o que nos traz o tempo.

Uns dias depois o rapaz quis montar no novo animal, mas este, não acostumado à sela, empinou-se e deitou o rapaz no chão. Na queda, o rapaz quebrou uma perna. E novamente dirigiu-se ao pai:

- Pai, que desgraça, parti a perna! O pai, retomando a sua experiência e sabedoria, disse:

Por que chamas desgraça? Veremos o traz o tempo.

O rapaz não se conformava com a filosofia do pai. Poucos dias depois passaram pela aldeia os enviados do imperador, que recrutavam jovens para a guerra. Foram à casa do camponês, viram o jovem com a perna quebrada, deixaram-no e seguiram caminho.

O jovem compreendeu então que nunca deve dar nem a desgraça, nem a fortuna como absolutas, mas que, para saber se algo é mau ou bom, é necessário dar tempo ao tempo...

Moral deste antigo conselho chinês: A vida dá tantas voltas e é tão paradoxal no seu decorrer que, tanto o mau pode vir a ser bom, como o bom pode vir a ser mau.

Assim, esperemos o dia de amanhã com alegria e vivamos o hoje em plenitude.

(Traduzido e adaptado por C. Amaral)

Imagem:www.tripadvisor.com.br

19 de jan de 2010

Um ano do Blog Toque do Anjo


Parabéns Toque do Anjo!

Hoje (19/01) faz um ano que o nosso blog Toque do Anjo está no ar. Foi um ano de aprendizado com os amigos, seguidores e visitantes, que deixam seus recados, demonstram carinho, dão força, dicas e críticas.

Agradeço a todos que por aqui passaram e passam deixando o seu carinho virtual. Na verdade todos vocês são verdadeiros presentes na jornada na qual nos propusemos seguir, que foi criar e manter um blog. Espero que eu tenha conseguido levar uma mensagem amiga, reflexiva, engraçada, tocante ou mesmo de conforto a cada um de vocês.

Namastê e beijos nas almas iluminadas dos que aqui entram.

Simone Anjos
Imagem: Google

18 de jan de 2010

O Silêncio da Alma


Lembre: Os silêncios mantêm os segredos, portanto, o som mais doce é o som do silêncio.

Essa é a canção da alma. Alguns escutam o silêncio na oração, outros cantam a canção em seu trabalho, alguns procuram os segredos na contemplação tranquila.

Quando se alcança a maestria, os sons do mundo se apagam, as distrações se aquietam. Toda a vida se transforma em meditação. Tudo na vida é uma meditação na qual se pode contemplar o Divino e vivendo dessa forma, aprendemos que tudo na vida é uma bênção. Já não há mais luta, nem dor, nem preocupação. Só há experiência.

Respira em cada flor, voa com cada pássaro, encontra beleza e sabedoria em tudo, já que a sabedoria está em todos os lugares onde se forma a beleza. E a beleza se forma em todas as partes, não há que procurá-la, porque ela virá a ti.

Quando ages nesse estado, transformas tudo o que fazes numa meditação e assim, num dom, num oferecimento de ti para tua alma e de tua alma para o Todo.

Ao lavar os pratos desfruta o calor da água que acaricia tuas mãos. Ao preparar a ceia sinta o amor do Universo que te trouxe esse alimento e, como um presente teu ao preparar essa comida, derrama nela todo o amor de teu ser.

Ao respirar, respira longa e profundamente, respira lenta e suavemente, respira a suave e doce simplicidade da vida, tão plena de energia, tão plena de amor. É o amor de Deus o que estás respirando.

...Respira profundamente e poderás senti-lo. Respira muito, muito profundamente que o amor te fará chorar de alegria.

Porque conhecestes teu Deus e teu Deus te presenteou com tua alma.

Faz da tua vida e de todos os acontecimentos uma meditação. Caminha na vigília, não adormecido.

Move-te com a perfeição, não sem ele e não te detenhas na dúvida, nem no temor, tampouco na culpa ou auto-recriminação. Vive no esplendor permanente, com a certeza de que é muito amado.

Sempre és Um com Deus, sempre és bem-vindo a casa. Porque teu lar é Meu coração e o Meu coração é o teu. Somos tudo o que é, tudo o que foi e tudo o que será.

(Texto de Neale Donald Walsch, autor do livro "Conversando com Deus")

Beijos na alma,
Simone Anjos


Imagem: http://www.pixmac.com.br/



12 de jan de 2010

O ciúme


Alguns fragmentos da visão de OSHO sobre o ciúme. Esse assunto, ou melhor, este sentimento tem estado presente, ultimamente, na minha vida, fazendo parte das minhas emoções e ao lê sobre o tema, resolvi postar aqui alguns trechos e compartilhar com você leitor.

Diz Osho: "Você não suporta, nem por um minuto, a outra pessoa feliz com outro alguém. Você logo pensa: "Eu morreria para estar com com ela!" Procure simplesmente ver o que você realmente sente pela outra pessoa - o ciúme vai virar fumaça.

Na maioria dos casos de ciúme, o amor também vira fumaça.

Mas isso é bom; afinal, para que ter um amor cheio de ciúme, que não é amor de verdade?

Se o ciúme desaparecer e o amor permanecer, então você terá algo sólido na sua vida, algo pelo qual vale a pena lutar.

O ciúme é uma das áreas mais comuns de ignorância psicológica com respeito a nós mesmos, aos outros e, especialmente, aos relacionamentos.

As pessoas acham que sabem o que é o amor, mas elas não sabem. E esses mal entendidos sobre o amor causam ciúme. Por "amor" as pessoas entendem um certo tipo de monopólio, de possessividade - sem compreender um fato simples da vida:
no momento em que possui um ser vivo, você o mata.

A vida não pode ser possuída. Você não pode agarrá-la com as mãos.

Se quiser tê-la, terá de ficar com as mãos abertas.

(...) A pessoa que ama de verdade sempre fica feliz se o ser amado é feliz com outra pessoa (...)

(...) O seu ciúme destrói tudo. A sua possessividade destrói tudo. Esse é o problema universal; não pode ser solucionado, só pode ser transcedido.(...) O ciúme surge porque ainda não existe amor; o ciúme simplesmente mostra que o amor ainda não brotou, ele mostra a ausência do amor. Então você não pode solucioná-lo (...)


A abordagem de Osho é a seguinte: "Não se preocupe com o ciúme, do contrário você cairá numa armadilha da qual nunca conseguirá sair. Esqueça-o! Ele é sintomático; é simplesmente uma indicação de que o amor ainda não aconteceu. Ele é bom!"

Osho segue: Aprenda alguma coisa com ele, repare nele e comece a se voltar para o amor. Ame cada vez mais e o ciúme será cada vez menor. Delicie-se com o amor e haverá cada vez menos ciúme.

(...) Em vez de gastar energia analisando o ciúme e brigando com ele, coloque mais energia no amor. Do contrário, você perderá o rumo; começará a seguir o ciúme e o ciúme é um deserto. Você nunca achará o fim.

(...) Faça do amor uma grande celebração. Coloque toda a sua energia no amor, sem nunca pensar no futuro. Se tiver amando alguém, não se contenha (...) Faça do amor um banquete e essas coisas desaparecerão(...)

(...) Quando ama uma pessoa, você confia que ela não sairá com mais ninguém. Se ela sair, é sinal de que não existe amor e não há nada a fazer. O amor traz entendimento. Não existe ciúme. Então, se existe ciúme, saiba que não existe amor (...)"

Tratar um assunto tão complexo com tanta simplicidade, somente OSHO poderia, confesso que estou longe de chegar à transcendência que ele propõe.

Reflita sobre esse sentimento na sua vida.

Beijos na Alma

Simone Anjos

Texto do Livro:

OSHO, "EMOÇÕES: Liberte-se da Raiva, do Ciúme, da Inveja e do Medo". Ed. Cultrix, SP, 2006.
Imagens by Google

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Anjos do Toque

Toques Iluminados e Amigos