11 de fev de 2010

Renúncia a um amor...

“Difícil no amor é saber renunciar”
(Nelson Gonçalves)
Renuncio a um amor querido, mas não vivido,
Renuncio a esse amor pelas infinitas dificuldades.

Pela distância, pela separação, apesar da união de pensamentos, da comunhão de almas...

Renuncio a esse amor por não poder alimentá-lo, cuidar como ele merece ser cultivado...

Renuncio a esse amor bandido, proibido, não compreendido...

Renuncio a este amor não por covardia ou pelas suas implicações...
Renuncio por altruísmo, renuncio ao amor, por amor.
Até parece contradição, mas o que seria de ti e de mim? Duas almas penadas a viverem entre o céu e o inferno das nossas consciências. Te respondo eu, meu amor:

O amor não pode ser plantado e sustentado na culpa, no medo, no arrependimento.
Deve ser leve, vivido por inteiro, sem meio-termo, nem delongas. Mas que me adianta ter a bravura da guerreira do amor? Sozinha de nada adiantaria.

Renuncio a esse amor pelo outono dos seus dias e pelo inverno dos meus...

Renuncio a este amor por duas letras do alfabeto que insistem a se interpor entre nós. Estão presentes na Vida e na Morte. Duas forças que têm poder sobre nossos destinos.

Destroem corações,
Decretam noites perdidas,
Insones a rolar na cama.
Dilaceram almas pela dor da saudade.

Fazem-nos trocar de pele pelo sofrimento da separação.

Por tudo isso, por muito mais... eu renuncio a esse amor, ao nosso amor.

Salvador, Ba, 08/02/2010.
Simone Anjos

Imagem: ImageChef

15 comentários:

  1. Renunciar é sempre um passo difícil.

    Bom carnaval.

    Não viajarei, estarei por aqui blogando.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  2. Poxa Simone, que lindo texto!! Nem todos conseguem fazer isso e admiro quem o faça. Eu faria sem fosse pela felicidade da pessoa amada, com certeza.
    Olha querida, o meu banner já está ok, viu?
    Um beijo em seu coração

    ResponderExcluir
  3. É tão bom quando podemos curtir o carnaval com tranquilidade. Seja na folia ou em casa, temos que sentir que a batucada, mesmo, é na nossa vida e o samba enredo sempre é aquele do coração. Então vou com um sambinha gostoso do Chico, espero que goste:

    http://www.youtube.com/watch?v=YU547fUsHqI

    Beijo imenso, menina linda.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  4. O amor é paciente, é benigno, o amor não arde em ciúmes, não se ufana, não se ensoberbece, não se conduz incovenientemente, não procura seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal; não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade. Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
    TRECHO DA CARTA DE PAULO AOS CORÍNTIOS

    ResponderExcluir
  5. Simone, Fico feliz quando vc aparece por lá.
    Muito difícil no amor é saber renunciar.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Sempre queridas amigas: Aninha, Rosana,Rebeca,Silvia e Mary,
    obrigada pelas visitas e comentários. Renunciar é complicado, mas devemos saber quando renunciar...
    Beijos na alma,

    ResponderExcluir
  7. Anônimo20/2/10

    Às vezes, Mone, nós apenas renunciamos por fora, porque internamente o amor ousa em se fazer presente lambrando-nos a todo momento do outro, quer seja através de uma música, de uma brisa, de um sabor ou de milhares de outras situações... Quando, verdadeiramente, amamos alguém, podemos até renunciar o falar e o ver, jamais o esquecimento, pq o amor é intrínseco à alma e, portanto, indivisível!!!!
    O que se faz preciso é aprender a viver sem a companhia, é preciso redescobrir novos hábitos e se ocupar sempre para não dar espaço ao vazio da solidão.
    Impossível, porém, é viver sem amar ou sem ter amado alguém!!!!
    Beijooooooooooooo imenso,

    Lane

    ResponderExcluir
  8. Salve, Salve Elaine Reis! Que grata surpresa com a sua visita. É verdade, você soube bem traduzir em palavras: "apenas renunciamos por fora" pois o amor é o combustível da alma.
    Amiga,o espaço aqui também é seu, já está mais que na hora de você escrever outros textos aqui para o Toque do Anjo, estamos aguardando o seu toque angelical.
    Beijão,

    ResponderExcluir
  9. Anônimo21/2/10

    Brigadão, Amiga!!!
    Você q é um anjo e eu fico feliz em saber q tenho um cantinho reservado no seu coração e no seu blog também, rsrrsrsrsrsrrs...
    Mai beijoooooooooooooooooooooca,

    Lane

    ResponderExcluir
  10. Anônimo27/2/11

    Estou passando por esse momento de renuncia!
    O que preciso compreender é que tudo transforma!

    Lays

    ResponderExcluir
  11. Isso mesmo Lays, o Senhor do tempo, guardião de todas as horas é sábio, e transforma tudo... É só renunciar, sem mágoas... ele, o tempo, cura tudo.
    Beijos na alma,

    ResponderExcluir
  12. Anônimo20/5/12

    Amei o texto!!!Cou be exatamente para o momento que estou vivenciando!!!Obrigada!!Abraços!!

    ResponderExcluir
  13. Anônimo12/6/13

    voces duas tem toda razao, pois renunciar algo ou alguem que amamos nao e uma tarefa facil; mais as vezes para nossa felicidade e crecimento e necessario nos sacrificar, mesmo se as vezes for preciso chorar por alguem que amamos! flicidades!!

    ResponderExcluir
  14. Anônimo12/6/13

    as vezes para nao machucarmos ou sermos machucados, e necessario nos afastarmos de alguem que amamos, mesmo que pra isso tivermos que engolir choro, evitar lugares,musicas,momentos,ate mesmo pessoas,tudo por amor isso se chama RENUNCIA!!

    ResponderExcluir
  15. Anônimo12/6/13

    Aquele que renunicia por amor, tem o auxilio de Deus!!

    ResponderExcluir

O seu comentário é muito importante para mim. Obrigada!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Anjos do Toque

Toques Iluminados e Amigos