19 de dez de 2013

A essência divina do ser humano

O homem traz em si uma radiante beleza e uma fraca sombra, mas insiste em deixar  fortalecer o seu lado sombrio. Quando se afasta da Luz de onde vem a sua verdadeira essência ele fica ínfimo diante do tamanho do seu reflexo negro. Alimentar a luz que conecta com o Divino é voltar momentaneamente ao estado original, à Fonte de onde tudo começou.
 
Beijos na alma,
Simone Anjos
 
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

17 de dez de 2013

Como purificar pensamentos e ações negativas com o Ho'oponopono

"O Ho'oponopono é um dom profundo que nos permite desenvolver um relacionamento funcional com a Divindade interior e aprender a pedir que, em cada momento, os nossos erros de pensamento, palavras, feitos ou ações sejam purificados. O processo diz essencialmente respeito à liberdade, à completa liberdade em relação ao passado". (Morrnah Nalamaku Simeona)

O que limita o ser é o excesso de pensamentos indomados, soltos, que só fazem barulho mental e, portanto, confusão na vida. Procure o silêncio interior, acalme a sua mente, através da prece, da música suave, da meditação...Aquiete a mente com a prática do ho'oponopono quando surgirem pensamentos barulhentos de medo, ansiedade ou qualquer memória negativa, repita em voz alta ou mentalmente: "Sinto muito, me perdoe, te amo, sou grato(a)", repita quantas vezes forem necessárias, você verá como o seu padrão vibracional irá mudar, nao precisa acreditar, apenas repita. Como presente de Natal deixo os links do e-book Limite Zero   e o site do Ho'oponopono Brasil (para baixar o e-book) onde você vai encontrar maiores informações de como utilizar o Ho'oponopono para transformar a sua vida. 

A paz começa comigo e que a paz esteja em você.
Beijos na alma,
Simone Anjos
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

18 de out de 2013

Poesia das Ruas

Produzir poesias em um contexto adverso como o de rua parece impensável. Mas, muitos que vivenciaram essa experiência conseguem extrair beleza e ternura do inóspito.


O Amor

O amor caridoso
O amor é bondoso
Carinhoso, perfeito
Lindo e sincero, com muito amor
E com grandes alegrias
O amor é eterno
É como uma luz que brilha nos céus
O amor é bonito, envolvente e sedutor
Que reflorescesse  os corações com muito amor
O amor é uma semente que cai do céu
O amor é todo, e com todo amor
Que as estrelas brilham
O sol brilha
A lua nasce com sua linda luz brilhante
Até o poente do sol
Só o amor constrói com muitas alegrias
Felicidade é amor
O amor é benevolente, com grande fé no nosso Senhor
Ó Criador!

(Por Cristóvam Santos)


Publicado na coluna Arte Rua do Jornal Aurora da Rua - Dezembro 2012- Janeiro 2013 - Ano 5 - No. 5
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos.

25 de set de 2013

O Encanto


Qual a razão desse encanto, meu amor? Será que são os teus olhos negros, misteriosos como a noite? Ou será esse teu sorriso enigmático que não revela os teus sentimentos? Ah, saber eu não sei, decifrar é impossível, pois precisaria adentrar em tua alma e descobrir no recôndito do teu ser. 

Mas nada disso tem importância, o que importa é o fascínio que você me causa quando estou na tua presença, quando compartilho do mesmo ar que você respira, quando sou fixada pelo teu olhar profundo ou quando você simplesmente sorrir, mesmo sem eu saber se o faz para mim.

Ah, meu amor, que pena, você não é o meu amor, você é o amor da vida, do mundo. Um ser livre que voa sem asas pelos braços de outros amores, de outros encantos, buscando novas paragens...
Um ser livre, enigmático, com grande magnetismo, não nasceu para um amor, nasceu para os amores dos amores, para brilhar, cercado de outros seres, porém sozinho. 
Um ser obscuro que não permite que revelem o poder do teu encanto, inatingível, intocável, mas arrebatador...
Simone Anjos

Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorias, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

19 de set de 2013

Dificuldades




Você não pode evitar que a dificuldade bata à sua porta, mas não há necessidade de oferecer-lhe uma cadeira”. Joseph Joubert

Via de regra temos por hábito justificar as dificuldades naquilo que não gostamos de fazer, e quanto mais dificuldades colocarmos nestes afazeres mais dificuldades encontraremos para fazer. Quando isso ocorre não notamos que muitas dificuldades nem sempre estão nas dificuldades”. (Irineu Fernandes)
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

18 de set de 2013

ESTAR SOZINHO

As relações afetivas estão passando por transformações profundas e revolucionando o conceito de amor. A ideia de uma pessoa  ser o remédio para nossa felicidade está fadada a desaparecer. Hoje se busca uma relação compatível com os tempos modernos, onde exista individualidade, respeito, alegria e prazer de estar junto. Não mais uma relação de dependência, onde se responsabiliza o outro pelo seu bem-estar.

O amor romântico parte da premissa de que somos uma fração e precisamos encontrar nossa outra metade para nos sentirmos completos. Muitas vezes ocorre um processo de despersonalização que atinge mais a mulher. Ela abandona suas características  e se  amalgama  ao projeto masculino. A teoria da ligação entre opostos vem dessa raiz, onde  o outro tem de saber fazer o que eu não sei. Se sou manso, deve ser agressivo, e sucessivamente. Uma ideia prática de sobrevivência, mas pouco romântica. A palavra de ordem é parceria. Estamos trocando o amor de necessidade, pelo amor de desejo. Gosto e desejo uma companhia, mas dela prescindo. 

O avanço tecnológico exige mais tempo individual  e as pessoas estão perdendo o pavor de ficar sozinhas; estão aprendendo a conviver melhor  consigo mesmas. Estão começando a perceber que são fração, mas se sentem inteiras. O outro, com o qual se estabelece um elo, também se sente uma fração. Não é príncipe ou salvador de coisa nenhuma;  apenas companheiro de viagem.

O homem é um animal que vai mudando o mundo, e depois tem de reciclar-se para se adaptar ao mundo que criou. Entramos na era da individualidade, não do egoísmo. O egoísta não tem energia própria; se alimenta da energia  do outro, quer seja ela financeira ou moral.

A nova forma de amor tem nova feição e significado. Não une mais duas metades; aproxima dois inteiros. Ela só é possível para quem consegue trabalhar sua individualidade. Quanto mais competente para viver sozinho, mais preparado para uma boa relação afetiva.

A solidão é boa. Ficar sozinho não é vergonhoso,ao contrário,  dá dignidade. As boas relações afetivas são ótimas e parecidas com  o ficar sozinho. Nenhum exige do outro  e ambos crescem.

Relações de dominação e de concessões exageradas são coisas do passado. Cada cérebro é único e nosso modo de pensar e agir não  é referência para avaliar ninguém.

Muitas vezes pensamos que o outro é nossa alma gêmea;  na verdade o que fizemos foi inventá-lo a nosso gosto. Todos deveriam ficar sós de vez em quando para dialogar internamente e descobrir sua força pessoal. Na solidão entendemos  que a harmonia  e paz de espírito só podem ser encontradas dentro de nós; não à partir  do outro. Ao perceber isso nos tornamos menos críticos e mais compreensivos quanto às diferenças, respeitando a maneira de ser de cada um.

O amor de duas pessoas inteiras é bem mais saudável. Nesse tipo de ligação, há aconchego, prazer da companhia e respeito pelo ser amado. 

Nem sempre é suficiente ser perdoado. Algumas vezes temos de nos perdoar.

(Autor desconhecido)

Nota: Recebi esse texto sem a autoria, conhecendo o autor, favor nos avisar para darmos os devidos créditos.
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

17 de set de 2013

Integração entre o homem e a natureza: UM ATO DIVINO

No fundo da casa onde moro tem um tamarineiro¹ e descobri que habitam nele, além da passarada que faz a festa, cantando desde a aurora ao crepúsculo, moram também, trés camaleões². Há dois meses que mudei para essa casa e como há muitos pássaros habitando na árvore, eu inicialmente ficava olhando para identificar as espécies e encontrei de tudo: sabiás, assanhaços, bem-ti-vis, rolinhas, até o famoso pica-pau, dentre outras especieis que não as identifiquei. Nessas minhas investigações eis que encontro um camaleão e depois mais outro e outro. Eu, meu marido e enteado fizemos a festa e apostávamos para ver quem achava mais, porém até o momento só identificamos esses três que ainda não demos nomes.

Depois desse dia comecei uma "relação de aproximação" com os camaleões, se isso é possível, quando eu acordo sempre os procuro nos galhos e não os vejo, então começo a falar: cadê meus bichinhos? Coloco uma música suave e continuo falando com eles, e não é que eles foram aparecendo, timidamente no inicio, e hoje já é um ritual, vou para o quintal, coloco a música e os chamo, eles ficam se exibindo, todos esticadinhos olhando aqui para casa, enquanto fico por perto eles também estão por perto, bem nas pontinhas dos galhos virados em minha direção como a me observar, de noite é possível vê-los porque passaram a dormir no lado da árvore que dá para a cozinha. 

Ora, mas aonde você quer chegar com essa história toda sobre répteis, Simone? Perguntam-se alguns — bem, para algumas pessoas esses bichos causam repulsas, mas para outros povos eles são considerados sagrados a exemplo de algumas tribos africanas que têm o camaleão na sua simbologia como uma animal intocável, relacionando-o como o criador dos primeiros homens. Para mim, o que importa, nessa relação entre homem e natureza é quando olhamos para um animal com respeito e sobretudo amor, estamos nos conectando com o Divino, com o principio da criação, pois o Criador na sua sabedoria nos fez e fez as demais criaturas para habitarmos nesse planeta, para vivermos em harmonia, integrados um ao outro porque o equilíbrio só pode existir quando respeitarmos o nosso semelhante e todo o ser vivente do planeta.

O Criador deu autoridade ao homem sobre a terra e os animais: " E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra.
E disse Deus: Eis que vos tenho dado toda a erva que dê semente, que está sobre a face de toda a terra; e toda a árvore, em que há fruto que dê semente, ser-vos-á para mantimento.
E a todo o animal da terra, e a toda a ave dos céus, e a todo o réptil da terra, em que há alma vivente, toda a erva verde será para mantimento; e assim foi".(Gênesis 1:27-30) 

Tudo o que o Criador colocou na face da terra foi para o nosso domínio e sobrevivência mas Ele não disse que o homem devia tratar os animais com requinte de crueldade, Ele deu ao homem tudo o que há na terra para o homem administrar e administrar bem. Um fazendeiro que tenha cem cabeças de gado não abate todos os animais de uma só vez, pois ele sabe que tem que manter o reprodutor, as vacas leiteiras, as vacas para dar novas crias e tem os animais de corte, o fazendeiro sabe quando substituir o reprodutor, as vacas leiteiras e os demais. Sabe como cuidar, como alimentar para produzir bons resultados. E assim deve ser para todos os animais, cuidar com respeito e amor. Os animais que servem de alimento para aqueles que ainda precisam de carne, que sirvam de alimento, que sejam abatidos com dignidade, mas os demais animais estão na natureza para o equilíbrio do planeta, para nos encantar, para o deleite do homem. Sim, deleite em apreciar um belo animal com respeito e se conectar com Criador, e agradecê-lo por ser tao generoso com a raça humana. 

O Criador é tão maravilhoso, que me agraciou com a presença desses bichinhos (camaleões) no meu quintal para que eu pudesse entender melhor todo esse processo de integração que devemos ter com a natureza e respeito por todas as criaturas.

Beijos na alma,

Simone Anjos

  1. Tamarindus é um género botânico, pertencente à família Fabaceae. É um gênero monotípico, tendo apenas uma espécie.
  2. Camaleão é o nome dado a todos os animais pertencentes à família Chamaeleonidae, uma das mais conhecidas famílias de lagartos. Há cerca de 80 espécies de camaleões, a maior parte delas na África, ao sul do Saara, estando também presentes em Portugal e em Espanha. Os camaleões distinguem-se de outros lagartos pela habilidade de algumas espécies em trocar de cor, por sua língua rápida e alongada, por seus olhos, que podem ser movidos independentemente um do outro, tendo alguns membros da família cauda preênsil. A família teve origem há mais de 100 milhões de anos, quando se separou da família Agamidae, de acordo com o registo fóssil. (Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki)
  3. Imagem pesquisada na Web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

16 de set de 2013

Estou de volta, reflexiva, linda e feliz...

Aos queridos amigos seguidores, leitores e visitantes, peço-lhes desculpas pela minha ausência nos últimos cinco meses, mas a minha vida estava um caos com mudança de local de trabalho e de residência, sem telefone, internet, etc, mas devemos manter a serenidade ao meio da tempestade... Confesso que não foi fácil pelos percalços no caminho, pelo encontro com algumas pessoas de vibração energética diferente da minha, mas que agora com a luz emergindo da minha consciência, entendo que tudo foi para o meu crescimento, para  o meu aprendizado, e aqui estou eu _ linda e feliz. (para relaxar e entender logo abaixo o linda e feliz). 

Além de dizer que estou de volta, trago uma pequena reflexão sobre o tempo em que fiquei afastada das redes sociais e quando voltei fui visitar algumas páginas e fiquei a pensar sobre o porquê de as pessoas quererem ser "celebridades" a todo o custo, com certeza Freud e Jung explicam. Notei um exibicionismo sem medidas de algumas pessoas que têm a necessidade de divulgar que comeram isso e aquilo, que foram em tal restaurante, e outras coisas, tão banais, que fazemos corriqueiramente são motivos de exposição nas redes sociais. 

Algum sábio já disse que o melhor momento para se viver é o agora e que, devemos celebrar a vida em todos os seus  momentos, o que eu concordo plenamente, e não sou contra quem compartilha sua vida pessoal nas redes sociais, pois sendo adulto tem livre escolha para fazer o que quiser,  mas o que noto e tenho como exemplos são algumas pessoas próximas que colocam essa vida "de falso glamour" nos Faces da vida, mas não estão e não são felizes (aqui são pessoas que conheço de perto), porém precisam "vender" a felicidade para os outros a qualquer preço, por outro lado, quem vê essas fotos, frases feitas, badalação, quer também exibir a sua "felicidade" para não ficar por baixo. 

O melhor momento para se viver é o agora, mas no agora, muitos se encontram num grande vazio...

Que Deus nos ilumine e beijos na alma,

Simone Anjos
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

10 de abr de 2013

FRACASSO NÃO É DERROTA; É VÉSPERA DA CHEGADA DE NOVA OPORTUNIDADE


 A morte não é o fim; é o início de uma nova etapa de Vida.
A decomposição não é apodrecimento; é a fonte da futura colheita. A doença não é um mal; é um aspecto manifestado quando a Vida efetua uma mudança de rumo. O fracasso não é uma derrota; é a véspera da chegada de uma nova oportunidade. O declínio não é o ponto final; é o momento de  fazer aquecimento para iniciar uma corrida em outra direção.

(Do livro Orações Diárias – Masanobu Taniguchi, p.81)

9 de abr de 2013

O Pobre Rei

Certa vez um homem pobre, Depa, encontrou uma joia extremamente valiosa. Como era uma pessoa de poucos desejos e se sentia satisfeito com sua pequena renda, ele refletiu sobre alguém a dar a joia  Enquanto tentava se lembrar da pessoa mais necessitada, teve súbita inspiração de dar a joia ao rei Prasenajit. O rei ficou pasmo, porque havia tanta gente pobre e carente, mas Depa disse: “ Ó Rei, é você o mais pobre, porque lhe falta o contentamento!”.

- Nagarjuna, Carta a um Amigo


Toque: Não adianta ter poder, dinheiro, fama se nada disso traz o contentamento da alma, quantas pessoas pobres em bens materiais, mas possuem grandeza e alegria de espírito. Saiba que o contentamento interior deixa a alma em festa.
Beijos na alma,
Simone Anjos

Imagens pesquisadas na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou as retirarmos do blog.

8 de abr de 2013

Confissão de Fé de grandes cientistas

Johannes Kepler 1571-1630, um dos maiores astrônomos:
“Deus é grande, grande é o seu poder, infinita a sua sabedoria. Louvem-n’O, céus e terra, sol, lua e estrelas com a sua própria linguagem. Meu Senhor e meu Criador! A magnificência das tuas obras quereria eu anunciá-la aos homens, na medida em que a minha limitada inteligência pode compreendê-la”.

Copérnico (1473- 1543), fundador da mundovisão moderna:
“Quem viva em íntimo contato com a ordem mais consumada e a sabedoria divina, como não se sentirá estimulado às aspirações mais sublimes? Quem não adorará o Arquiteto de todas estas coisas?”

Newton (1643- 1727) fundador da física teórica clássica:
“O que sabemos é uma gota, o que ignoramos, um imenso oceano. A admirável disposição e harmonia do universo, não pôde sair senão do plano de um Ser onisciente e onipotente”.

Linneu (1707- 1778) fundador da botânica sistemática:
“Vi passar a proximidade do Deus eterno, infinito, onisciente e onipotente,
e prostrei-me como funcho em adoração”.

Volta (1745- 1827), descobriu as noções básicas da eletricidade: 
“Eu confesso a fé santa, apostólica, católica e romana. Dou graças a Deus que me concedeu esta fé, na qual tenho o firme propósito de viver e de morrer”. 

Ampère (1775- 1836), descobriu a lei fundamental da corrente elétrica:  
“Como Deus é grande, e a nossa ciência uma insignificância!”

Cauchy (1789- 1857) insigne matemático: 
“Sou cristão, ou seja, creio na divindade de Cristo, como todos os grandes astrônomos, todos os grandes matemáticos do passado”.

Gauss (1777- 1855), um dos maiores matemáticos e cientistas alemães:
“Quando soar a nossa última hora, será grande e inefável o nosso gozo ao ver Aquele que, em todo o nosso agir, só pudemos vislumbrar”.

Liebig (1803- 1873), célebre químico:
“A grandeza e infinita sabedoria do Criador, 
só a reconhecerá realmente o que se esforçar por extrair as suas ideias do grande livro que chamamos Natureza”.

Robert Mayer (1814- 1878), cientista naturalista (Lei da Conservação da Energia)
“Termino a minha vida com uma convicção que brota do mais fundo do meu coração: a verdadeira ciência e a verdadeira filosofia não podem ser outra coisa senão uma propedêutica da religião cristã”.

Secchi (1803- 1895), célebre astrônomo:
“Da contemplação do céu a Deus, há um trecho curto”.

Darwin (1809- 1882), Teoria da evolução:
“Jamais neguei a existência de Deus. Penso que a teoria da evolução é totalmente compatível com a fé em Deus. O argumento máximo da existência de Deus parece-me ser a impossibilidade de demonstrar e compreender que o universo imenso - sublime além de toda medida - e o homem, tenham sido frutos do acaso”.

Edison (1847- 1931) , o inventor mais fecundo, 1200 patentes:
“…O meu máximo respeito e a minha máxima admiração a todos os engenheiros, especialmente ao maior de todos eles: Deus”.

Schleich (1859- 1922), célebre cirurgião:
“Tornei-me crente à minha maneira, pelo microscópio e pela observação da natureza, e quero - tanto quanto está ao meu alcance -contribuir para a plena concórdia entre a ciência e a religião”.

Marconi (1874- 1937), inventor da telegrafia sem fios, Prêmio Nobel 1909:
“Declaro-o com orgulho: sou crente. Creio no poder da oração, e creio, não só como católico, mas também como cientista”.

Millikan (1868- 1953), grande físico americano, Premio Nobel 1923:
“Posso, de minha parte, asseverar, com toda a decisão, que a negação da fé carece de toda a base científica. A meu ver, jamais se encontrará uma verdadeira contradição entre a fé e a ciência”.

Eddingtong (1882- 1946) Célebre astrônomo inglês:
“Nenhum dos inventores do ateísmo foi naturalista. Todos eles foram filósofos muito medíocres”.

Albert Einstein (1879- 1955), fundador da física contemporânea  (teoria da relatividade e Prêmio Nobel 1921):
“Todo aquele que está seriamente comprometido com o cultivo da ciência, chega a convencer-se de que, em todas as  leis do universo está manifesto um espírito infinitamente superior ao homem,  e diante do qual, nós, com os nossos poderes, devemos nos sentir pequenos”.

Plank (1858- 1947), fundador da física quântica, Prêmio Nobel 1918:
“Nada pois no-lo impede, e o impulso do nosso conhecimento o exige: relacionar mutuamente a ordem do universo e o Deus da religião. Para o crente, Deus está no princípio dos seus discursos; para o físico, no final dos mesmos”.

Schrödinger (1887- 1961), criador da mecânica ondulatória, Prêmio Nobel 1933:
“Segundo os princípios da mecânica quântica, a obra mestra mais fina é a que foi  feita por Deus.”

Hathaway, pai do cérebro eletrônico.
“A moderna física ensina-me que a natureza não é capaz de ordenar-se a si mesma. O universo supõe uma enorme massa de ordem. Por isso, requer uma grande «Causa Primeira», que não está submetida à segunda lei da transformação da energia e que, por isso mesmo, é Sobrenatural”.

Wernher Von Braun (1912- 1977), construtor alemão- americano dos foguetes espaciais:
“Acima de tudo está a glória de Deus, que criou o grande universo que o homem e a ciência vão esquadrinhando e investigando, dia após dia, em profunda adoração”.

Charles Townes (Partilhou o Prémio Nobel da Física 1964 por descobrir os princípios do laser):
“Como religioso, sinto a presença e a intervenção de um ser Criador que vai além de mim mesmo, mas que sempre está próximo… a inteligência teve algo a ver com a criação das leis do universo”.

Allan Sandage (1926-) Astrônomo profissional, calculou a velocidade com que o universo se expande  e a idade do mesmo, pela observação de estrelas distantes:
“Na juventude, eu era praticamente  um ateu. Foi a ciência que me levou à conclusão de que o mundo é muito mais complexo do que podemos explicar. Só posso explicar o mistério da existência, mediante o Sobrenatural”.

Um cartão de visita e uma surpresa:

“Um jovem universitário viajava de trem ao lado de um venerável ancião que ia rezando o seu terço. O jovem atreveu-se a dizer-lhe: “Por que é que, em vez de rezar o terço, não se dedica a aprender e a instruir-se um pouco mais? Eu posso enviar-lhe algum livro para que se instrua”.
O ancião respondeu-lhe: “Ficaria grato se me enviasse o livro para este endereço”; e entregou-lhe o seu cartão. Nele estava escrito: Luis Pasteur, Instituto de Ciências de Paris. 
O universitário ficou envergonhado. Tinha pretendido dar conselhos ao mais famoso sábio do seu tempo, o inventor das vacinas, estimado em todo o mundo, e devoto do rosário”.

Recompilação: Padre Chulalo (15/02/2000)

Imagens pesquisadas na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

3 de abr de 2013

ENSINAMENTOS DE BUDA

O Budismo formou-se no nordeste da Índia, entre o séc.VI a.C. e o séc.IV a.C. 

Budismo é uma família de crenças e práticas considerada por muitos uma religião baseada nos ensinamentos atribuídos a Siddhartha Gautama, comumente conhecido como "O Buda" (o Iluminado), que nasceu onde hoje é o Nepal, Ele viveu e ensinou na região nordeste do  subcontinente Indiano e provavelmente veio a falecer cerca de 400 a.C.

1.Visão correta 2.Pensamento correto 3.Fala correta 4.Ação correta 5.Meio de vida correto 6.Esforço correto 7.Atenção correta 8.Meditação correta.

A verdadeira Crença: é a crença de que a Verdade é o guia do Homem;

A Verdadeira Resolução: ser sempre calmo e nunca fazer dano a nenhuma criatura viva;

A Verdadeira Palavra: nunca mentir, nunca difamar ninguém e nunca usar linguagem grosseira ou áspera;

O Verdadeiro Comportamento: nunca roubar, nunca matar, e nunca fazer nada de que possa mais tarde arrepender-se ou envergonhar-se; 

A Verdadeira Ocupação: nunca escolher uma ocupação que seja má, tal como falsificação, manejo de coisas roubadas e coisas semelhantes;

O Verdadeiro Esforço: procurar sempre o que é bom e afastar-se do que é mau;

A Verdadeira Contemplação: não permitir-se  pensamentos que sejam dominados pela alegria ou pela tristeza;

A Fala Correta: não mentir, não criticar os outros injustamente, não usar linguagem grosseira, não comentar sobre a vida alheia.

A Verdadeira Concentração: consegue-se quando todas as outras regras forem seguidas e uma pessoa tenha atingido o nível da paz perfeita.

Buda estabeleceu esses princípios ou Regras de Vida que devem ser observadas pelos seus seguidores...e por todos.

Os ensinamentos básicos do budismo são:  evitar o mal, fazer o bem e cultivar a própria mente...
“Que seus ensinamentos nos sejam úteis para que possamos ver com mais amor todos que nos cercam”

(Irineu Fernandes)

Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

28 de mar de 2013

PLASMEM ESTA ENERGIA


A DIVINA ORDEM TOMA CONTA DE MINHA VIDA.

HOJE TODAS AS COISAS FUNCIONAM PARA O MEU BEM.

ESTE É UM NOVO E MARAVILHOSO DIA PARA MIM.

TUDO O QUE EU FIZER VAI PROSPERAR

O AMOR DIVINO ME CERCA, ME ENVOLVE, ME ABSORVE.

SOU UM IMÃ MENTAL E ESPIRITUAL

ATRAINDO TODAS AS COISAS,

QUE ME ABENÇOAM E ME FAZEM PROSPERAR.

HOJE VOU ALCANÇAR UM SUCESSO MARAVILHOSO

EM TODAS AS MINHAS TAREFAS.

SOU REALMENTE MUITO FELIZ.

(Oração extraída de uma apostila de Runas)

OBS: FAZER TODOS OS DIAS.
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

25 de mar de 2013

Tome uma atitude Telepática

A atitude telepática nos insere na dimensão da verdadeira comunicação. Se nos sincronizarmos com essa atitude hoje, por certo iremos nos conscientizar da importância de saber escutar. A verdadeira comunicação se dá quando sabemos escutar a voz da Alma no silêncio da nossa consciência.  É provável que o convite hoje seja mais para ficar na escuta do que no discurso. Se assim procedermos, teremos a chance de canalizar a palavra correta na hora e lugar apropriados.

(Do Livro das Atitudes, p.85, Sônia Café)
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

19 de mar de 2013

Não Temos TEMPO

...não temos TEMPO  para ouvir...
...mas sempre O encontramos quando queremos falar...
...não temos TEMPO  para agradecer...
...mas sempre O encontramos quando precisamos pedir...
...não temos TEMPO  para perdoar...
...mas sempre O encontramos quando precisamos do perdão...
...não temos TEMPO para fazer um favor...

...mas sempre O encontramos quando precisamos recebê-lo...

...não temos TEMPO  para agradecer as graças recebidas...
...mas sempre O encontramos  ao fazermos  nossas  promessas...
...não temos TEMPO para ouvir desculpas...
...mas sempre O encontramos para fazer nossas criticas...
...não temos TEMPO para cumprir o que prometemos...
...mas sempre O encontramos para justificar o que não fizemos...
...não temos TEMPO  para tudo...
...mas sempre O encontramos para não  fazer nada...
...não temos TEMPO para a nossa Família...
...mas sempre O encontramos para comemorar com os nossos amigos...
...não temos TEMPO para fazer uma oração...
...mas sempre O encontramos para duvidar de alguma crença...
...não temos TEMPO  para observar  a Natureza...
...mas sempre O encontramos quando queremos usufruir dela...
...não temos TEMPO para ter paciência com os nossos filhos...
...mas sempre O encontramos com os filhos das nossas visitas...
...não temos TEMPO para dar explicações...
...mas sempre O encontramos para fazer as nossas perguntas...
...não temos TEMPO  para quase nada em nossa vida...
...porque ainda não aprendemos a dar  o devido valor ao nosso TEMPO...
Não descuide do seu TEMPO.  CUIDE BEM DO SEU TEMPO
   
Texto de Irineu Fernandes

Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

6 de mar de 2013

Homens (Dedicado as Mulheres)

Esse texto foi escrito em 2002 em Maricá-Itaipuaçu-RJ. Feito para os Homens e dedicado as Mulheres. Que fique o texto, pelas gerações que virão. Que as Mulheres possam ocupar seu espaço, sem competir com os Homens. Que os Homens possam se comportar como Homens sem machucá-las.  (Adna de Souza)

Homem quando és semente apenas
É no corpo de uma Mulher
Que germinas...
Quando nasces chorando
É nos braços de uma Mulher
Que te acalmas...
Quando sentes fome
E nos seios de uma Mulher
Que te sacias...
Quando tentas andar
É com auxílio de uma Mulher
Que arriscas os primeiros passos...
Quando começas a falar
É uma Mulher quem te ensina
As primeiras palavras...
Quando te preparas para enfrentar a vida
É uma Mulher quem te incentiva 
E te molda o caráter...
Quando começas a despertar para o amor
É uma Mulher
Quem te faz sonhar...
Quando sentes solidão
É uma Mulher que procuras
Para ser tua companheira 
Ao longo da vida.
Quando te multiplicas é uma Mulher
Que dá luz aos teus filhos
Dando continuidade 
A tua descendência.
Quando enfim...
Entenderás,
Que a Mulher compartilha com a natureza
A criação da própria vida...
Quando enfim, entenderás,
Que dependes dela.
Respeite-a!
Ame-a!
Proteja-a!
E certamente te sentirás,
Mais Homem.

HOMEM - DE: ADNA MARIA FERREIRA DE SOUZA

Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

28 de fev de 2013

PELO QUE VALE A PENA VIVER ?

Nós  esperávamos  que  as  pessoas  do  século  XXI fossem  alegres,  soltas,  divertidas,  afinal  de  contas, elas  têm  tido  acesso  a  uma  poderosa  indústria  do  lazer, mas  eis  que  as  pessoas  estão  estressadas,  represadas  e  tristes.

Esperávamos que o acesso à tecnologia e aos bens materiais fizesse com que as pessoas tivessem mais tempo para si mesmas. Mas, raramente, elas gastam tempo com aquilo que amam. 

Vivemos espremidos em sociedades populosas, mas  a  proximidade  física não trouxe  a  proximidade  emocional. O diálogo está morrendo. A solidão virou rotina. As  pessoas  aprendem  por  anos  as  regras  da  língua, mas  não  sabem  falar  de  si  mesmas.

Os pais escondem suas emoções dos seus filhos. Os filhos ocultam suas lágrimas dos seus pais. Os  professores  se  escondem  atrás  do  giz  ou  dos  computadores. Psiquiatras e psicólogos estão tratando, sem sucesso,  a solidão, pois  ela  não  se  resolve  entre  quatro  paredes  de  um  consultório.

Os seguidores  de  Jesus  perderam  todos  os  valores sociais,  não  tinham  dinheiro,  fama,  proteção,  mas tinham  tudo  o  que  todo  ser  humano  sempre  desejou. Tinham  alegria,  paz  interior, segurança,  amigos,  ânimo.

Eles tiveram grandes sonhos e a coragem para correr todos os riscos para transformá-los em realidade. Cada um deles viveu uma grande aventura. Raramente  se viu  pessoas  tão  realizadas, sociáveis  e  satisfeitas. Eles  não  tinham  nada,  mas  tinham  tudo. Eram  discriminados, mas  tinham  inumeráveis  amigos.

Em  alguns  momentos,  parecia  que  tinham  perdido  a esperança  e  a  fé,   mas  cada  manhã  era  um  novo  começo. Cada derrota era uma oportunidade para começar  tudo  de  novo. Cada coração  aliviado  dava  forças para eles  continuarem  no  caminho.Sofreram  como  poucos  na  história, mas aprenderam a não reclamar. Nos seus lábios, havia um  agradecimento diário pelo espetáculo da vida. Não  exigiam  nada  dos  outros, mas davam tudo o que tinham.

Foram  tolerantes  com  seus  inimigos,  mas seus  inimigos  foram  implacáveis  com  eles. Tornaram-se  amantes  da  paz,  foram  pacificadores dos  aflitos,  compreenderam   a  loucura  dos  que  se achavam  lúcidos.

Foram felizes numa sociedade inumana. Na  juventude  tinham  inúmeros  traumas, mas  o  vendedor  de  sonhos  fez  algo que  deixa  boquiaberta  a  ciência  moderna. Ele  os  transformou  na  casta  mais inteligente  e  saudável  de  pessoas.

As  cartas  que  eles  escreveram revelam  características  de  personalidade que  poucos  psiquiatras  e  psicólogos  conquistam. Os  sonhos  que  eles  viveram  não  apenas  eram  celestiais, mas  vão  ao  encontro  dos  mais  belos  sonhos  da  filosofia, da  psicologia,  da  sociologia,  das  ciências  da  educação.
Mostraram  que  vale  a  pena  viver, mesmo  quando  ceifaram  suas  vidas.

E hoje,  será  que nossa  vida  alçou  um grande  significado?
Jesus demonstrou de muitas formas  para  que  as  pessoas compreendessem  a  grandeza  da vida.

Será que compreendemos seu valor? Quem somos? Somos  fagulhas  vivas  que  cintilam  durante  poucos  anos  no  teatro  da  vida  e  depois  se  apagam  tão  misteriosamente  quanto  acenderam.

Nada  é  tão  fantástico quanto  a  vida,  mas nada é  tão  efêmero,  fugaz  quanto  ela. Hoje  estamos  aqui, amanhã  seremos  uma página  na  história. Um  dia  todos  nós  tombaremos na  solidão  de  um  túmulo  e  ali  não  haverá  aplausos, dinheiro,  bens  materiais. Estaremos  sós.

Se  a  vida  é  tão  rápida, não deveríamos  nessa  breve  história  do  tempo  procurar  os  mais  belos  sonhos,  as  mais  ricas  aspirações? Pelo  que  vale  a  pena  viver? Quais  sonhos  nos  controlam?

Muitos  têm  depressão, ansiedade,  stress,  não  só  por  conflitos  na sua  infância,  mas  pela  angústia  existencial,  pelo  tédio  tenso  que os  abate,  pela  falta  de  um  sentido  sólido  em  suas  vidas. Muitos têm fortunas, mas mendigam o pão da alegria. Muitos têm cultura, mas  falta-lhes  o  pão  da  tranqüilidade. Muitos têm fama, mas não há colorido na sua emoção.

Crise  existencial,  vazio  interior,  solidão, palavras  que  não  faziam  parte  do  dicionário da  personalidade  dos  discípulos  do  mestre  dos  mestres. Há  pouco  tempo,  um  dos  mais  populares cantores desse  país  disse  na  mídia  que  tinha  dinheiro  e  fama, mas  não  tinha  prazer  de  viver,  sua  vida  se  tornara  uma fonte  de  tédio.

Quando  o  corpo  de  Jesus  tremulava  na  cruz, ele  disse  frases  inesquecíveis  que  inspiraram  o   centurião romano,  encarregado  do  seu  martírio. Seu carrasco reconheceu sua grandeza e começou a sonhar. Quando os seus discípulos morriam, o mesmo fenômeno continuou a ocorrer. A dignidade, segurança e sensibilidade nos últimos momentos deles fizeram com que alguns torturadores se curvassem. Que fenômeno interior é esse que deixa extasiada a sociologia e a psicologia?

Se  Nietzche,  Carl Marx  e  Jean  Paul  Sartre tivessem  a  oportunidade  de  analisar  a  personalidade  de Jesus  e  a  sua  atuação  nos  bastidores  da  mente  dos seus  discípulos, como  eu  o  fiz,  provavelmente  não estariam entre  os  maiores  ateus  que  pisaram  nesta  terra. É  possível  que  estivessem entre  os  seus  mais  apaixonados  seguidores.

As  sociedades  ainda  não  despertaram para  a  grandeza  da  personalidade  de  Jesus. E  impossível  alguém  fazer  o  que  ele  fez e  ser  tão  somente  um  ser  humano. Sua  vida  era  tão  simples, mas  cercada  de  mistérios. Milhões  de  pessoas  dizem  que  ele  era  o  filho  de  Deus.

Seus  comportamentos  surpreendentes e  não  apenas  seus  milagres  confirmam  isso. Mas  nunca  alguém  tão  grande  foi  tão  humano. Muitos  homens  querem  ser  deus,  estar  acima  dos  sentimentos  comuns,  mas  ele  se  apaixonou  tanto   pela humanidade  que  quis  ser  um  ser  humano.

Amou  ser  igual  a  mim e  a  você. A  sua  personalidade  não  apenas  revela que  ele  atingiu  o  topo  da  saúde  psíquica, mas  que  foi  mais  longe  do  que  isso.

Ele  foi  o  maior  educador,  psicoterapeuta, sócio-terapeuta,  pensador,  pacifista,  orador, vendedor  de  sonhos,  construtor  de  amigos de  todos  os  tempos. Muitos  dos  líderes  religiosos  da  atualidade  que  dizem  segui-lo  desconhecem  essas  magníficas  áreas  da  sua  personalidade.

Eu  analisei  a  inteligência  de  Cristo  criticando, duvidando  e  investigando  as  quatro  biografias  de  Jesus, os  evangelhos,  em  várias  versões. Estudei  as  intenções  conscientes  e  inconscientes dos  autores  das  suas  quatro  biografias. Talvez  tenha  sido  um  dos  raros  cientistas que  investigou  a  sua  personalidade.

O  primeiro  resultado  é  que  descobri  que o  homem  que  dividiu  a  história  não  poderia   ser  fruto  de  uma  ficção  humana. Ele  não  cabe  no  imaginário  humano. Ele  andou  e  respirou  nesta  terra. O  segundo  resultado  é  que  a  grandeza  da  sua personalidade  expôs  as  falhas  da  minha  personalidade.  Fui  ajudado  a  compreender  as  minhas  limitações e a  minha pequenez.

O  terceiro  resultado  me  surpreendeu. Ao  analisar  o  vendedor  de  sonhos, fui  contagiado  por  ele. Comecei  a  sonhar  os  seus  mais  belos  sonhos. Que  a  sua  vida  também  se  transforme num  jardim  de  sonhos...

Mesmo  quando  os  pesadelos  vierem, jamais  deixe  de  sonhar.

(Texto do livro O Mestre Inesquecível de Augusto Cury) 

Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos créditos ou a retirarmos do blog.

24 de fev de 2013

Reflexão: Sobre a Felicidade

“Na medida em que praticamente vi a vida esvair e ganhei direito de viver, pude notar que a felicidade é um estado de espírito, e não um objeto a ser alcançado”. Lars Grael

15 de fev de 2013

CONSPIRAÇÃO ESPIRITUAL

Na superfície da Terra, exatamente agora, há guerra e violência, tudo parece feio, desconexo, morto, triste.

No entanto, algo muito diferente e silencioso, calmo e oculto, está acontecendo, pois pessoas estão sendo chamadas por uma Luz mais elevada.

Uma revolução silenciosa está se instalando de dentro para fora. É uma operação global, uma CONSPIRAÇÃO UNIVERSAL. Há células dessa operação em cada canto do Planeta. Vocês não vão vê-las pela TV, nem ler sobre elas nos jornais, tampouco ouvir nos rádios. Pois não buscam a glória, não usam uniformes. Chegam de formas diferentes... Têm cores e costumes diversos.

A maioria trabalha no anonimato, silenciosamente atuam fora de cena. Em cada cultura do mundo, nas grandes e pequenas cidades, em vales e montanhas, fazendas, vilas, tribos e até em ilhas remotas. Cruzamos com essas pessoas e nem as percebemos, pois seguem disfarçadas. Permanecem nos bastidores e não se importam com quem ficam os louros. Querem apenas que se realize o trabalho, que a obra seja concluída.
 

Quando se encontram, apenas trocam olhares de reconhecimento e seguem seus caminhos, nem sempre fáceis, mas sempre  iluminados. Estão camuflados em seus empregos comuns. Mas, por detrás das aparências, o verdadeiro trabalho é executado.

Estão construindo um mundo novo, com redes múltiplas de amor e solidariedade, estabelecidas sem fronteiras, moeda ou cor... mas ricas de verdades límpidas, transparentes e singelas. Seguem os comandos da Inteligência Espiritual Central, plantada no Coração Maior de cada um. São os Semeadores de Amor e Bondade.


Valem-se tão somente de seus talentos e dons, que vão além dos diplomas, cargos ou funções. São eles mesmos a mudança que querem ver no mundo. E o Amor é a força que os move. O trabalho que realizam é lento e meticuloso, como na formação das montanhas, mas certamente definitivo. Eles já sabem que o AMOR será a religião do Século XXI. Este impulso nasce da inteligência do coração, escondida pela eternidade no pulso evolucionário de toda criatura humana.


Podemos tentar nos esquivar ou fugir para os mais remotos esconderijos. Podemos tentar escapar da consciência, na fantasia que for, mas nosso destino é galgar mais um degrau na evolução e ascender a um patamar mais elevado. O mais sábio é seguir o exemplo dos Semeadores de Amor e nos esforçarmos no caminho que leva à Luz !


Antes de dormir, reflita no que você tem feito em prol do seu crescimento…


(Desconheço a autoria dessa sábia e linda mensagem)

Imagem pesquisada na web, havendo direito autorais, favor nos avisar para darmos os devidos creditos ou a retirarmos do blog.

13 de fev de 2013

Quem sempre agradece está orando por coisas boas

Somente quem a todo momento pensa em coisas boas está orando pela concretização de coisas boas. Pensa em coisas boas aquele que não se queixa da situação atual e agradece, considerando que a perfeição da Imagem Verdadeira já está realizada. Aquele que constantemente agradece está orando para que se concretizem coisas boas.
(Do livro Preceitos de Luz – Masaharu Taniguchi, p.74)
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos creditos ou a retirarmos do blog.

9 de fev de 2013

Carnaval conectados com a Luz



 “Vigiai e Orai, para não cairdes em tentação".  - Jesus (Mateus, 26,41) -


Chegou o carnaval, momento de alegria e de diversão. Mas temos que ficar conscientes e vigilantes para não cometermos excessos de toda a natureza. Manter, mesmo nos momentos de diversão, a nossa fé e ficarmos contritos com Deus.  No artigo Teoria sobre a conspiração dos extraterrestres, pedimos para que as pessoas se mantenham longe das multidões, porém compreendemos que para muitas é impossível porque o carnaval é um momento de trabalho, para outras é apenas diversão. Igualmente, podemos dizer que algumas pessoas estão conscientes no meio da folia, outras; estão entorpecidas pelas energias, nem sempre sustentadas pela alegria genuína.    

Não somos contra o carnaval com a sua explosão de alegria, somos contra os excessos do álcool, das drogas, do sexo sem responsabilidade. As pessoas entram no frenesi exagerado e não percebem que, muitas vezes, estão sendo vitimas de seres tenebrosos que sugam as energias delas, para saciarem seus próprios vícios e prazeres. Esses seres se aproveitam das fraquezas humanas, e as drogas licitas e ilícitas, pensamentos e atitudes são as vias que eles encontram para dominar suas presas. Pois, é pelo pensamento que nos colocamos em sintonia com outros seres, tanto encarnados como desencarnados. Por intermédio de nossas ondas mentais (...) (Kardec, 1984, cap. XXVII).
 
Agora que já despertamos para o que acontece ao nosso redor, vamos brincar, mas antes de sair de casa, façamos uma prece ao Criador, convidemos Jesus para ir conosco. (Jesus era alegre, gostava de festas). Contatemos com nossos Guias e Mentores espirituais, peçamos proteção ao nosso Anjo da Guarda.

Particularmente, quando vou a algum lugar que ficarei exposta a todo tipo de vibração  energética, faço as minhas orações e chamo pelos meus Guias e Anjo da Guarda, visualizo um circulo azul luminoso de proteção à minha volta e decreto em nome de Jesus que neste circulo só entre a energia do amor. Invoco, também, o Arcanjo Miguel em nome de Jesus e peço que ele (Miguel) ordene aos seus anjos que me protejam, me dêem intuição e sabedoria para discernir a diferença entre o que vem da Luz e o que vem das Sombras. Entendemos que, mesmo com toda a nossa fé em Deus, há situações que não temos controle, então, não custa nada lembrarmos as palavras do Mestre: orai e vigiai!

Um ótimo Carnaval para todos!  

Beijos na alma,
Simone Anjos

 
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos creditos ou a retirarmos do blog.

7 de fev de 2013

Almoço com Deus

Uma parábola humana.

Um menino queria conhecer Deus. Sabia que teria que fazer uma grande viagem para chegar onde Ele vive; por isso, guardou na sua maleta pastéis de chocolate e refrescos de fruta… E começou a sua viagem. Quando tinha caminhado durante umas horas, encontrou-se com uma velhinha. Estava sentada num banco do parque, sozinha, a contemplar silenciosamente umas pombas que bicavam migalhas de pão que ela lhes atirava.

O menino sentou-se junto dela e abriu a sua maleta. Começou a beber um dos seus refrescos, quando notou que a velhinha o olhava; então, ofereceu-lhe um refresco. Ela, agradecendo, aceitou-o e sorriu. O seu sorriso era muito belo, tanto que o menino quis vê-lo de novo; para isso, ofereceu-lhe um dos seus pastéis. De novo, ela sorriu. O menino estava encantado; e ficou, durante toda a tarde, junto dela, comendo e sorrindo, mesmo sem dizer qualquer palavra.

Quando escureceu, o menino levantou-se para ir embora. Deu alguns passos, mas logo  parou; voltou, correu para a velhinha e abraçou-a. Ela, depois de o abraçar, dedicou-lhe o maior sorriso da sua vida. 

Quando o menino chegou a casa, a sua mãe ficou surpreendida com o rosto de felicidade que ele manifestava. Então, perguntou-lhe: -“Filho, que   fizeste hoje para vires tão feliz?". O menino respondeu-lhe: -"Hoje almocei com Deus!"... E, antes que sua mãe reagisse, acrescentou:  -“E - sabes? - Tem o sorriso mais belo como nunca vi!"
 
Igualmente, a velhinha radiante de felicidade, regressou a sua casa. O seu filho, ao vê-la, ficou  surpreendido com a expressão de paz que se reflectia no seu rosto, e perguntou-lhe:  - "Mamã, que fizeste hoje que vens tão feliz?” A velhinha respondeu-lhe: - "Comi pastéis de chocolate com Deus, no parque!” E, antes que o filho lhe respondesse, acrescentou:  -“E - sabes? - é mais jovem do que eu pensava!"

CONCLUSÃO: Com frequência, não  damos valor à importância de um abraço, de uma  palmadinha nas costas, de um sorriso sincero, de uma palavra de alento, de um ouvido que escuta, de um cumprimento sincero, ou do ato mais insignificante de preocupação amiga...Porém, todos esses  pormenores têm o mágico poder de  mudar a tua vida ou a dos outros, de lhe causar uma grande reviravolta e de lhe transmitir a felicidade.

Todas as pessoas chegam às nossas vidas por uma qualquer razão, seja apenas durante um certo tempo ou seja para toda uma vida. Recebe-as a todas por igual!

AH! NÃO TE ESQUEÇAS DE ALMOÇAR SEMPRE COM DEUS!...

E, se o desejares, compartilha esta mensagem às pessoas que marcaram a tua vida  de um modo especial, qualquer que ele tenha sido…numa  situação fugaz da tua existência ou com efeitos em toda a tua  vida… 

(Desconheço a autoria)

Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais,favor nos avisar para darmos os devidos creditos ou a retirarmos do blog.

5 de fev de 2013

Sobre a Oração


A oração é a força da invocação e do encanto. Com ela, os egípcios invocaram os grandes desuses para ter o dom da palavra. Na religião judaico-cristã a palavra AMÉM é usada após a oração, semelhante a JEHOVAH ADONAI que significa Verdade.

Quando estiver fazendo uma oração, use sua varinha de condão (terceiro dedo de saturno). Levante o dedo mediano à altura do coração (observe o quadro com as figuras de Jesus).

Você pode substituir a oração por boas ações, desde que elas sejam completamente alheias aos interesses pessoais. A oração é verbalizada, o que a difere da prece, que é realizada mentalmente.

Alguns sábios, quando oram, giram em torno de si mesmos da direita para a esquerda, limpando assim o astral, o plasma energético. Isso também serve de proteção psíquica e significa o encontro com o centro, com o coração, com seu Deus interior.

Se desejar, faça um sinal da Cruz. Utilize qualquer oração, um Pai Nosso – oração muito poderosa já há 2.000 anos – ou uma Ave Maria – que, por ter concebido Jesus, teve seu ventre abençoado e foi elevada por merecimento acima dos anjos. Se preferir, ore de pé, una os calcanhares e mantenha os pés em ângulos retos. Assim você centraliza seus chakras, pontos de vibração e energias – o primeiro chakra cósmico é acima da cabeça, localizado na moleira. Particularmente, aconselho rezar ajoelhado. Li certa vez em um texto alquímico que nosso Deus interior reside no joelho. Achei interessante, já que o alto de prosternação é de profunda humildade. Jesus dizia: “Tudo que pedires ao meu Pai, em meu nome conseguireis”.

A oração só é bem feita quando feita com fé. Não duvide de seu poder nem por um minuto. Muitas pessoas perderam o contato com Deus ao desistirem de rezar.

Quando fazemos uma oração, há uma reação em cadeia. A minha oração influencia a vida do meu filho que por sua vez influencia sete outras vidas e cada uma destas sete vidas influencia mais sete e assim por diante.

 

Oração

 

DEUS PAI – Mãe Nosso... que estais no céu do cálice do Meu coração... Santificada seja a Vossa Sagrada Chama da Vida Eterna.
 

Venha o Vosso reino... agora, através do Vosso Filho ressuscitado em meu coração, em meu Ser, através de minha alma.
 

Faça-se a Vossa Vontade... Na Terra... através do Cristo ressuscitado na família do Homem ... como no Céu através da família dos Anjos, Devas e seres ascensionados.
 

Dai-nos hoje o pão de cada dia... a corrente eterna de Substância Eletrônica,  que sustenta o nosso próprio Ser e da qual vem toda a Perfeição de criar.
 

Perdoai-nos as ofensas contra a Vossa Grande Lei do Eterno Amor, Qualificação Harmoniosa do Vosso Reino Perfeito da “causa”.

Mas livrai-nos da ilusão dos “efeitos” da consciência humana. Porque Vosso é o reino... a Unidade de toda a Vida como Luz.
 

O poder para Ressuscitar tudo novamente para Vós e a glória da Vossa Própria Perfeição Sempre expandindo-se. Para Sempre e para Sempre no momento Eterno do Agora.

Amém e Amém – Como Vosso Nome “Eu Sou”

 

(Texto extraído do livro “A Magia dos Anjos Cabalísticos”, p.p. 31-32, de Mônica Buonfiglio. Oração reproduzida do Livro dos Decretos, p.134 ) 
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos creditos ou a retirarmos do blog.

4 de fev de 2013

Resguarde a pureza de espírito

As tentações são muitas. O ambiente é viciado, o pessimismo reina soberano. Por toda parte, o materialismo e o egoísmo apresentam-se triunfantes.

No entanto, resista.
Preserve a pureza de sua alma. Não cometa desatinos. Não fale o mal, nem aja para prejudicar seja a quem for. Procure em tudo o objetivo útil.
Aguarde com paciência. O mal é vencido.
A vitória sempre é de Deus.
(Do livro Sementes de Felicidade, pg.79 de Lourival Lopes)
Imagem pesquisada na web, havendo direitos autorais, favor nos avisar para darmos os devidos creditos ou a retirarmos do blog.


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Anjos do Toque

Toques Iluminados e Amigos